PUBLICIDADE
Notícias

Tailândia: turbulência política ainda prejudica economia

15:50 | 30/06/2014
A economia da Tailândia continuou a enfrentar dificuldades no segundo trimestre do ano, mas parece ter crescido em relação ao primeiro, afirmou o diretor do Banco Central da Tailândia Don Nakornthab.

O dirigente afirmou que o Produto Interno Bruto (PIB) entre abril e junho provavelmente cresceu 1% em relação ao primeiro trimestre, quando a economia sofreu contração de 2,1% ante os três últimos meses de 2013. Em relação ao mesmo período do ano passado, a previsão é de que a economia tenha encolhido 0,4% no segundo trimestre.

Meses de turbulência política prejudicaram a economia, apesar de medidas do novo governo militar para impulsionar a confiança após ter assumido o poder há pouco mais de um mês.

Mesmo assim, os sinais de que a economia estaria ganhando força vêm sendo sentidos desde o golpe militar em 22 de maio. Desde que assumiram o poder, os militares estenderam cortes de impostos, prometeram relançar projetos de infraestrutura e pagaram parte da dívida de US$ 2,7 bilhões com fazendeiros, sob um controverso programa de subsídios para o arroz.

O golpe foi criticado pelos EUA e pela União Europeia, mas vem sendo citado como o motivo por trás da primeira recuperação na confiança do consumidor em 14 meses, vista em maio, assim como pela melhora no sentimento do investidor.

O BC tailandês prevê que a melhora na estabilidade política após o golpe começará a ser vista nos números econômicos em breve. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS