PUBLICIDADE
Notícias

UE garante direito de deletar do Google informações

13:00 | 13/05/2014
O Tribunal de Justiça da União Europeia determinou que o Google deve ouvir e algumas vezes atender pessoas que pedirem ao site para retirar links que contenham informações pessoais. A decisão apoia o direito à privacidade individual em detrimento da liberdade de informação.

Na decisão, que afeta todos os sites de buscas, incluindo Yahoo! e Bing, o tribunal afirmou que as pessoas podem pedir para que links com informações pessoais sejam removidos.

Não está claro como os sites de busca lidarão com as reclamações. O Google afirmou que ainda está estudando a decisão, a qual não cabe recurso.

A decisão diz que as pessoas "devem encaminhar suas reclamações ao operador do site de buscas, que então deve avaliar seus méritos". Se um acordo não for alcançado, a questão será levada a um juiz ou regulador local. Fonte: Associated Press.

TAGS