PUBLICIDADE
Notícias

Plataforma inclina na Bacia de Campos

O incidente aconteceu na madrugada desta sexta-feira, 28, e a Petrobras não fornece informmações, justificando que a plataforma pertence a outra empresa

09:06 | 28/02/2014
Uma plataforma de petróleo que presta serviços à Petrobras na Bacia de Campos, litoral norte do Estado do Rio, apresentou problemas e teve que ser evacuada na madrugada desta sexta-feira, 28. A plataforma estaria inclinada no mar, segundo o Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro NF).

 

A Petrobras não está fornecendo informações sobre o incidente, sob a justificativa de que a plataforma SS-53 pertenceria à empresa Noble, prestadora de serviços à estatal. Não há informações sobre vítimas nem sobre derramamento de óleo. Segundo o sindicato, uma equipe, formada por cerca de 40 petroleiros, permanece na plataforma, que já teria sido estabilizada.

 

O Sindipetro NF informou que 113 trabalhadores estavam embarcados na hora do acidente, mas que parte dos funcionários teria sido retirada em embarcações de apoio, por medida de segurança. Uma equipe formada por cerca de 40 petroleiros, permanece na plataforma, também segundo o sindicato.

"A Petrobras nos mandou um comunicado às 7h30 dizendo que a plataforma já estava estabilizada. Não significa que ela já está normalizada, significa que o grau de adernamento não vai aumentar, que a situação está controlada, não oferece risco aos funcionários", explicou Breda.

 

 

Plataforma

 

A SS-53 opera no Campo de Roncador. Ela foi construída em 1998, de acordo com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). O site da autarquia informa que a plataforma é do tipo semi-submersível, destinada, entre outras tarefas, à perfuração de poços petrolíferos.

Agência Estado

TAGS