PUBLICIDADE
Notícias

IPCA-15 de Fortaleza recua 0,25 ponto percentual em fevereiro

09:20 | 21/02/2014

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA) em Fortaleza, prévia da inflação oficial, recuou 0,25 ponto percentual em fevereiro se comparado com o último registrado em janeiro.  Já a nível Brasil, o índice prevê uma alta de 0,7% em fevereiro depois de subir 0,67% em janeiro. Segundo o economista José Maria Porto, a prévia de baixa para a Cidade deve se manter para os próximos dias porque, nesse começo de ano, o fortalezense “está sofrendo o efeito do aumento dos impostos”.

De acordo com os dados divulgados nesta sexta-feira, 21, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a prévia do acumulado do ano em Fortaleza ficou em 0,69% e o acumulado de doze meses ficou em 5,55.

 

O grupo educação foi o responsável pela elevação do IPCA-15 no Brasil, porém, não atingiu a Capital cearense. Segundo nota do IBGE, o resultado de alta neste setor “reflete os reajustes praticados no início do ano letivo, especialmente os aumentos nas mensalidades dos cursos regulares, que subiram 7,65% e foram o item de maior impacto individual no mês, com 0,22 ponto percentual. Com exceção de Fortaleza, que não apresentou aumento em virtude da diferença da data de reajuste”.

 

Segundo o instituto, o grupo alimentação e bebidas apresentou queda 0,44 ponto percentual em comparação a janeiro, "tendo em vista que os alimentos consumidos no domicílio passaram de 1,01% para 0,25%". Assim, vários produtos importantes ficaram mais baratos, como a batata-inglesa (-10,66%), o tomate (-5,60%), o leite (-5,07%), o feijão carioca(-4,27%) e o frango inteiro (-1,04%).

Redação O POVO Online

TAGS