PUBLICIDADE
Notícias

FGV: empresas têm melhor avaliação do setor de serviços

08:40 | 27/02/2014
O aumento de 0,2% na confiança do setor de serviços ocorreu na esteira da melhora na avaliação dos empresários sobre a situação atual dos negócios. O quesito registrou alta de 3,8% em fevereiro. Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), a proporção de empresas avaliando a situação dos negócios como boa passou de 23,2% para 25,9%, enquanto a parcela das que a consideram ruim, recuou de 17,0% para 15,7%.

O quesito Volume de Demanda Atual, por sua vez, registrou queda de 1,1%, com a proporção de empresas avaliando a demanda atual como forte em 15,0% (15,4% no mês anterior) e como fraca em 21,3% (20,7% no mês anterior).

"O resultado da Sondagem em fevereiro reafirma, nesse início de ano, um momento de avaliação pouco favorável das empresas sobre seu nível de atividade. Ressalte-se que o ligeiro avanço do ICS em fevereiro foi concentrado no segmento de serviços de informação, predominando queda da confiança na grande maioria dos segmentos pesquisados", destacou a FGV.

O contrapeso se deu pela queda do otimismo das empresas em relação à demanda prevista, cujo indicador variou -1,7% em fevereiro, pressionando as expectativas dos empresários do setor de serviços. Já o indicador sobre a percepção das empresas quanto à tendência dos negócios subiu 0,1%.

A proporção de empresas prevendo demanda maior no futuro próximo diminuiu de 41,6% para 39,4%, enquanto a parcela daquelas prevendo demanda menor ficou estável em 8,8%. A proporção de empresas esperando tendência dos negócios melhor recuou de 42,3% para 41,3% e nas que esperam piora passou de 7,5% para 6,4%. )

TAGS