PUBLICIDADE
Notícias

Doze empresas farão estudos para concessão da BR-101-RJ

08:50 | 27/02/2014
O Ministério dos Transportes autorizou doze empresas a realizar estudos técnicos para subsidiar o processo de concessão da BR-101/RJ, trecho Acesso à Ponte Presidente Costa e Silva - Entr. RJ-071 (Linha Vermelha). A autorização está em portaria publicada no Diário Oficial da União e abrange as companhias Carioca Christiani-Nielsen Engenharia; CCR; Construtora Cowan; Construtora Queiroz Galvão; Ecorodovias Infraestrutura e Logística; Empresa Global de Projetos (EGP); Estruturadora Brasileira de Projetos (EBP); Investimentos e Participações em Infraestrutura (Invepar); Odebrecht Transport; Planos Engenharia; Proficenter Construções; e Saitec Brasil - Serviços de Consultoria e Auditoria.

As empresas terão 120 dias para apresentar os trabalhos. O prazo começa a contar da data em que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicar em seu site o termo de referência para elaboração do material, que deve incluir análises e atividades sobre demanda, engenharia, operação, alternativas para melhorar a fluidez do tráfego na ponte, meio ambiente, modelagem econômico-financeira, além de apoio na elaboração de minutas de documentos necessários à licitação.

Segundo a portaria, uma comissão com integrantes do Ministério dos Transportes, ANTT e Empresa de Planejamento e Logística (EPL) será formada para subsidiar a decisão do ministro da pasta quanto à escolha dos estudos apresentados. "Os valores relativos aos estudos técnicos selecionados serão ressarcidos exclusivamente pelo vencedor da licitação, desde que efetivamente utilizados no eventual certame", diz o texto.

TAGS