PUBLICIDADE
Notícias

Cai utilização da capacidade da indústria, diz CNI

10:40 | 05/02/2014
A utilização da capacidade instalada da indústria brasileira recuou de 81,9% em novembro para 81,4% em dezembro de 2013, segundo os indicadores industriais divulgados nesta quarta-feira, 5, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Em dezembro de 2012, a utilização da capacidade instalada estava ainda maior, em 82,6%.

As vendas reais da indústria subiram 3,8% em 2013 ante 2012. Na comparação de dezembro de 2013 com o mês anterior, houve queda de 1,1%. Já em relação a dezembro de 2012 houve recuo de 0,8%. As horas trabalhadas subiram 0,1% no ano passado em relação ao ano anterior. Na comparação de dezembro de 2013 com novembro, houve recuo de 2,5% e em relação a dezembro de 2012, queda de 0,8%.

O emprego apresentou alta tanto na comparação anual quanto na mensal. O indicador subiu 0,8% em 2013 ante 2012 e 0,1% em dezembro ante novembro. Em relação a dezembro de 2012, a alta foi de 1,3%. A massa salarial real subiu 1,7% no ano passado ante 2012 e caiu 0,7% na comparação de dezembro de 2013 com o mesmo mês do ano anterior. O rendimento médio real subiu 0,9% no ano e caiu 2% no último mês de 2013 ante dezembro de 2012.

Os dados do mercado de trabalho sustentaram resultados positivos no ano, mesmo com a indústria operando em baixa intensidade. Na comparação do resultado de 2013 com o de 2012, apresentaram alta o faturamento real, as horas trabalhadas, o emprego, a massa salarial real e o rendimento médio real.

Por outro lado, em dezembro, na comparação com dezembro de 2012, todos esses indicadores mostraram recuo, com exceção do emprego, que subiu 1,3%. A utilização da capacidade instalada ficou em 81,4% no último mês do ano passado. Em dezembro de 2012, o nível estava mais alto, em 82,6% pelos dados dessazonalizados.

TAGS