PUBLICIDADE
Notícias

Brasil cresce em ritmo decepcionante, diz ABC Brasil

10:10 | 14/02/2014
O economista-chefe do banco ABC Brasil, Luis Otávio Leal, disse nesta sexta-feira, 14, que os dados do Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) divulgados nesta manhã confirmam que o Brasil está crescendo em ritmo decepcionante. "O que esperávamos para a economia há alguns anos não está se realizando", afirmou.

O IBC-Br subiu 2,52% em 2013 em relação a 2012. Na passagem de novembro para dezembro, o indicador teve decréscimo de 1,35%. Já na comparação do quarto trimestre de 2013 com o anterior, houve recuo de 0,17%. Como esta é a segunda queda trimestral seguida, o resultado indica recessão técnica.

Luis Otávio Leal pondera, no entanto, que o quadro apontado pelo IBC-Br não necessariamente vai se repetir no Produto Interno Bruto (PIB) calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). "É difícil dizer se o PIB do quarto trimestre será ou não negativo, o que também configuraria recessão. No trimestre passado, o PIB foi pior que o IBC-Br, mas no anterior foi o contrário. Não tem um receita de bolo. São metodologias e dados diferentes", disse. "Eu tomaria cuidado ao dizer que o IBC-Br sinaliza que o PIB vai estar em recessão."

Por enquanto, o ABC Brasil espera uma alta de 0,10% para o PIB no último trimestre de 2013 e um avanço de 2,10% no dado fechado do ano passado.

TAGS