PUBLICIDADE
Notícias

Voos corporativos somam R$ 4,924 bi em 2012, alta de 13%

14:11 | 31/01/2013
As vendas de passagens aéreas no mercado doméstico para viagens corporativas geraram uma receita de R$ 4,924 bilhões em 2012, volume 13,2% superior ao registrado em 2011. A TAM se manteve na liderança desse segmento, com vendas de R$ 1,886 bilhão, que representam 38,3% do total, redução de 5,2 pontos percentuais ante os 43,5% de 2011. Foi seguida pela Gol, com R$ 1,508 bilhão, ou 30,6% do mercado, abaixo dos 33,8% registrados no ano anterior.

A Azul, por sua vez, apresentou vendas de R$ 684,5 milhões, obtendo 13,9% do total, com alta de 4,5 p.p, enquanto a Trip obteve receita de R$ 315,3 milhões, alcançando 6,4% do mercado, aumento de 1,4 ponto porcentual. A Avianca também aumentou sua participação no mercado de viagens corporativas em 2,8 p.p., para 6,6%, com R$ 326,7 milhões (3,77%), enquanto a WebJet manteve participação praticamente estável, com 2,4%, ante 2,8% no ano anterior, com R$ 120,4 milhões em vendas.

As informações foram divulgadas nesta quinta-feira pela Associação Brasileira de Agências de Viagens Corporativas (Abracorp), que reúne 31 agências de viagens corporativas associadas.

No mercado internacional, as vendas somaram R$ 3,315 bilhões, o que corresponde a um crescimento de 13,5%. A TAM também possui a liderança deste segmento, com R$ 604,9 milhões, o que corresponde a 18,2%. No entanto, em relação a 2011, houve leve queda, de 0,2 p.p. Empresas estrangeiras, por sua vez, ampliaram suas participações, com destaque para Lufthansa, que passou de 5,7% para 7,8%, a Air France, de 7,1% para 8,9%, e American Airlines, de 11,6% para 12,1%.

TAGS