PUBLICIDADE
Notícias

Dívida bruta tem a maior alta desde 2006

09:16 | 11/01/2013
A dívida bruta do governo federal em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) subiu 5 pontos porcentuais em 2012, passando de 54,2% em dezembro de 2011 para 59,2% em outubro do ano passado, a maior alta desde o ano fechado de 2006.

De acordo com especialistas, algumas ações do governo explicam esse movimento: a compra de dólares para conter a valorização do câmbio, o avanço do repasse de recursos para bancos públicos e a redução do superávit primário, causada pela desaceleração da arrecadação federal e da alta dos gastos da União para estimular o nível de atividade.

Economistas ouvidos pela Agência Estado mostram avaliações favoráveis e críticas a essa expansão do passivo federal em 2012, ano marcado por um crescimento fraco do PIB, de cerca de 1%. Embora todos destaquem que o País está longe de um risco de solvência, há uma preocupação de que em 2013 a dívida bruta continue em rota de elevação devido à continuidade da política de gastos públicos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

TAGS