Participamos do

Ministro de ilha no Pacífico grava participação na Conferência das Nações Unidas dentro do mar

O gesto do ministro de Tuvalu chama atenção para a situação da ilha diante das ameaças de elevação dos oceanos
12:40 | Nov. 05, 2021
Autor Levi Aguiar
Foto do autor
Levi Aguiar Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Simon Kofe, ministro do governo de Tuvalu, gravou sua participação para a Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2021 (COP26), no mar, diretamente do território em que vive. O gesto do ministro chamava atenção para a situação da ilha: Tuvalu, uma pequena ilha-nação que fica no sul do Pacífico, é um dos países mais ameaçados pela elevação dos oceanos, em decorrência do aquecimento global. Segundo especialistas, a ilha pode desaparecer com o avanço do mar. Com 11.792 habitantes, Tuvalu é considerada o quarto menos país do mundo.

Ministro em Tuvalu, Simon Kofe
Ministro em Tuvalu, Simon Kofe (Foto: Reprodução/Twitter)

Conforme o Ministério da Justiça, Comunicação e Relações Exteriores governo de Tuvalu: "A declaração [do ministro] aproxima o cenário da COP26 com as situações da vida real enfrentadas em Tuvalu devido aos impactos das mudanças climáticas e aumento do nível do mar, e destaca a ação ousada que Tuvalu está tomando para resolver as questões muito prementes da mobilidade humana sob as mudanças climáticas!".

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Por fim, o Ministério agradeceu a Divisão do Pacífico e a Tuvalu Broadcasting Corporation (TVBC) "por seus esforços para a filmagem desta declaração inovadora e estende sua gratidão ao Departamento de Pesca por sua assistência durante as filmagens".

Tenha acesso a reportagens especiais. Assine O POVO+ clicando aqui


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags