PUBLICIDADE
Notícias

Caso do menino do Acre vira jogo para smartphone

Bruno Borges sumiu no último 27 de março. Antes disso, ele deixou 14 livros escritos à mão e criptografados em seu quarto

16:05 | 12/04/2017
NULL
NULL

[FOTO1] O desaparecimento do estudante de psicologia Bruno Borges, 24, no Acre, inspirou a criação de jogos para smartphones. Um deles é o game Menino do Acre, que está disponível para celulares com sistema Android. 

 

A interface propõe desvendar o mistério do sumiço de Bruno e, basicamente, tem um comando em que o usuário clica na tela e o personagem pula para capturar os livros. A cada dez objetos capturados, uma fase é liberada. Ao todo, são cinco fases.


CASO


Bruno sumiu no último 27 de março. Antes disso, ele deixou 14 livros escritos à mão e criptografados em seu quarto, com "chaves" que servem de guia para decodificação.

 

Os escritos estavam reproduzidos nas paredes do lugar, onde havia uma estátua do filósofo Giordano Bruno, avaliada em R$7 mil, de acordo com o G1. O caso está sendo investigado pela polícia do Acre. [FOTO2]

 

Veja vídeo do game: [VIDEO1] 

 

 

Redação O POVO Online

TAGS