PUBLICIDADE
Notícias

Um dos menores jornais do mundo volta a circular em Minas Gerais

O periódico tem tamanho de 2,5 centímetros por 3,5 centímetro e foi considerado o menor do mundo pelo Livro dos Recordes no ano 2000

10:20 | 08/08/2016
NULL
NULL
Com tamanho pequeno e idade inversamente proporcional, o “Vossa Senhoria”, um dos menores jornais do mundo, voltará a ser publicado após nove anos fora de circulação. O lançamento acontecerá durante a Festa Literária de Divinópolis (MG), no próximo dia 20 de agosto - data em que a publicação completaria 81 anos.

Em 2000, o periódico foi considerado o menor do mundo pelo Livro dos Recordes. Ao todo, são 2,5 centímetros por 3,5 centímetros, com 200 caracteres (contando os espaços), distribuídos em 26 páginas (sendo quatro delas em inglês), calcula o Uol.

Outras publicações chegaram a bater o recorde, segunda a escritora e jornalista Leida Reis, que ficará à frente da edição da publicação. “Desde o fechamento do jornal, em 2007, surgiram mais duas publicações que atualmente são menores: uma na Índia e outra na Inglaterra. Mas nas três Américas, o 'Vossa Senhoria' ainda é o menor jornal", diz Leida ao Uol.

O “Vossa Senhoria” foi publicado pela primeira vez, em 1935, pelo jornalista e gráfico Leônidas Schwindt, na cidade de Goiás. À época, o jornal foi impresso nas dimensões de 9 cm x 6 cm, e, com apenas quatro páginas, circulava semanalmente. Com o crescimento do número de leitores, a circulação passou a ser nacional.

O jornal ficou conhecido por acatar o regime de censura vigente na época do governo Getúlio Vargas. Devido às críticas ao presidente, o fundador do jornal chegou a ser preso em 1955 e, um ano depois, em 1956, o periódico deixou de circular.

O retorno das publicações só aconteceu três décadas depois, em 1985, por meio de Dolores Schwindt - filha do jornalista idealizador do impresso, que dirigiu a publicação até sua morte, há nove anos.

De 1935 e 1956, "Vossa Senhoria" era impresso em tamanho de 9 centímetros por 6 centímetros, aumentando para 10 centímetros por sete centímetros. O conteúdo era característico pelo caráter político. De 1985 a 2007, a linha editorial mudou e passou a tratar de notícias locais e literatura. As dimensões do jornal foi diminuindo, até chegar ao tamanho que lhe rendeu o título de menor do mundo, em 2000.

O tamanho deverá ser mantido para esta terceira fase de circulação.

Redação O POVO Online
TAGS