PUBLICIDADE
Notícias

Cadela espera sete horas por resgate de homem preso a lamaçal

Mesmo com a temperatura negativa, Holly Blue ficou ao lado do dono, Martin Kay, de 67 anos, até um helicóptero da polícia localizá-lo

10:22 | 10/03/2016
NULL
NULL
Martin Kay, de 67 anos, ficou, aproximadamente, sete horas preso a um lamaçal, na cidade de Suffolk, no Leste da Inglaterra. Durante a espera pelo resgate, em nenhum momento, a cadela dele, Holly Blue, deixou-o, mesmo com os -3ºC que faziam em 18 de janeiro último. A polícia inglesa divulgou as imagens nesta terça-feira, 8, e o companheirismo do animal viralizou na internet. Veja a seguir parte do vídeo, editado pela polícia de Suffolk.
[VIDEO1]
Conforme o jornal inglês Suffolk Free Press, Martin Kay saiu de casa por volta das 14h30min e fez uma rota diferente do rotineiro passeio pelo campo que fazia com a cachorra. Ao Suffolk Free Press, ele contou que "menosprezou" o terreno. A lama espessa prendeu suas pernas impedindo-o de pegar o celular e os gritos por socorro não encontraram nenhum receptor. Ele foi reportado como desaparecido às 19h30min e foi encontrado por volta das 21 horas. Um helicóptero equipado com câmera térmica foi utilizado pela polícia nas buscas.

"Ele estava completamente coberta pela lama. Se o helicóptero [através da câmera] não tivesse visto ele, eu penso que não o encontraríamos. Era como se ele estivesse camuflado", afirma o policial Clare Wayman, que participou do resgate.

Martin Kay ainda afirmou que perdeu a consciência assim que escureceu, por isso, não se lembra do resgate, apenas de acordar no West Suffolk Hospital. Após a recuperação, Martin foi até a base aérea de Wattisham, onde a equipe que o resgatou é lotada, para agradecer, continua a notícia do Suffolk Free Press. "Foi maravilhoso conhecer e pessoalmente agradecê-los por salvarem minha vida", disse. Sobre sua cachorra, Martin comentou: "Ela nunca havia sido chamada para ser tão corajosa antes".

Redação O POVO Online
TAGS