Hackers utilizam roteadores MikroTik para minerar criptomoedas no Brasil 

PUBLICIDADE
Notícias


Hackers utilizam roteadores MikroTik para minerar criptomoedas no Brasil

Aparelhos da marca MikroTik são os principais alvos do golpe

16:27 | 03/08/2018
NULL
NULL

[FOTO1]
A empresa de segurança Trustwave SpiderLabs, detectou um ataque hacker que tem utilizado roteadores da marca MikroTik para minerar criptomoedas. A informação foi divulgada pela companhia através do Twitter na última quarta-feira 1. Cerca de 200 mil pessoas foram afetadas pelo ataque em todo o mundo.

 

Segundo o relatório da empresa a maior parte dos usuários afetados são brasileiros. Os hackers responsáveis pelos ataques utilizam o sistema Coinhive, que altera o tráfego web dos roteadores para minerar a criptomoeda Monero.

[SAIBAMAIS]Para evitar o 'sequestro' de seus roteadores, a Trustwave SpiderLabs, recomenda que os usuários dos roteadores MikroTik verifiquem a atualização do sistema. A empresa responsável pelos roteadores lançou sua última atualização no mês de abril.

 

Ao minerar criptomoedas o desempenho das máquinas ligadas ao roteador apresentam baixo desempenho.

TAGS