PUBLICIDADE
Notícias

God Of War, o que achei do jogo que não joguei!

10:03 | 23/04/2018
NULL
NULL

Vocês sabem qual é o meu lanche favorito? Hambúrguer do Burger King, batata frita do Mc e milk-shake do Bob’s ... Oi?

Nos últimos dias, venho observando de perto o lançamento do mais novo God of War, o 13º da franquia, considerando todas as versões, tive oportunidade de jogar as primeiras versões, e realmente é um jogo muito bom, afinal, temos que levar em conta que são poucos os games que perduram por tanto tempo fazendo um bom trabalho como GoW.

Agora, você deve estar se perguntando porque eu escreveria sobre algo que não joguei, como venho conversando com vocês, nas últimas postagens a MAIS XP mudou um pouco a sua abordagem. Lançar um novo olhar sobre os games, esse é o nosso propósito.

[FOTO1]

Tirei minha inspiração pra conversar com vocês sobre o jogo, depois que vi uma situação no mínimo divertida, após o seu lançamento observei jogadores de Xbox reclamando que terminaram o jogo no mesmo dia e era muito curto, e jogadores de PS4 contemplando, pois o jogo era tão incrível que só desligaram o vídeo game depois de finalizar o jogo, logo, no mesmo dia do lançamento. Esse tipo de situação se repete em títulos exclusivos, como: Halo (exclusivo para Xbox) e The Last of Us (exclusivo para Playstation). Os dois que mencionei são jogos incríveis, sem a menor dúvida, mas confesso que me sinto incomodado por que quando surge esse tipo de polaridade nos comentários, a discussão se refere ao console e não aos jogos, mas estamos aqui por que gostamos de jogos ou consoles?

Isso me faz recordar minha infância, onde eu não entendia porque não podia jogar Sonic no meu Nintendo, e Mario no MasterSystem do meu vizinho, hoje, com alguns cabelos a menos e alguns quilos a mais, consigo ver isso como uma jogada de marketing, onde quem tem mais recurso, possui as patentes dos melhores games, logo podem deslocar o poder de compra para o seu console...Quem sai perdendo com isso? Eu, você. Quem sai ganhando? A indústria.

Ah! Mas isso é simples de resolver, basta ter um console de cada. Ok, assista La Casa de Papel, depois a gente conversa sobre ser simples. Quer dizer então que agora vou ter que comprar um Xbox, um PS4, um Switch e um PC? Sério? Isso não faz o menor sentido, mas para a indústria, faz e muito! Acredite eu adoraria poder jogar Forza no meu PS4 e GoW no meu Xbox.

Nos gêneros como: esportes e fps, onde games como FIFA e Call of Duty habitam, a grande maioria é multiplataforma, problema resolvido, posso jogar onde eu quiser? Pode, mas se seu amigo tiver um console diferente do seu, danou-se! Os servidores não conversam entre sí. Quer ver jogos multiplataforma de verdade? Jogos mobile a lá Clash Royale, iOS ou Android, tanto faz o que importa é todo mundo jogar, ou estou errado?

Abraços e boa jogatina!

TAGS