PUBLICIDADE
Notícias

Aécio x PSDB

18:54 | 14/08/2017

Começou uma guerra velada no ninho tucano pela indicação do candidato a presidente da República pelo PSDB para ano que vem. A decisão de Aécio de forçar reunião da Executiva Nacional, semana passada, para tentar antecipar as prévias para este ano irritou parte do partido. A despeito de sua situação junto à PGR muito delicada, Aécio tem esperança de que pode ser o escolhido ano que vem. Ele hoje tem o controle de até 23 dos 27 diretórios com a grande maioria dos delegados votantes.

Paulistas x Mineiros

Na contramão está o diretório de São Paulo, motivado por Geraldo Alckmin, Dória Jr e deputados, que trabalham pelo afastamento total de Aécio e enterro de sua candidatura.

Bicada no ninho

O grupo de Aécio tem plano de ocupar com intensa pauta política o presidente interino Tasso Jereissati, a fim de dar tempo de Aécio rodar o País para retomar o comando.

Bloco na rua

Enquanto isso o bloco já está na rua: Lula inicia caravana pelo Nordeste, Ciro continua por faculdades, e Marina Silva esboça nova edição das ‘Casas de Marina’.

Deus na causa

O ministro do Meio Ambiente, Zequinha Sarney, disse certo dia que só Deus salvaria a Amazônia. Na sexta, o site do ministério soltou matéria sobre o Papa Francisco em oração pela preservação. Mas a coincidência pegou tão mal que mudaram o título, que virou piada pronta na Esplanada: “Papa reza por membros do MMA (ministério) e da ANA (Agência Nacional de Águas)”.

Sinal de fumaça

Mas o contingenciamento pegou em cheio o MMA. O Bolsa Verde está no sal. O programa em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social que dá auxílio financeiro a lavradores que preservam a mata não credencia mais este ano.

Limpando o nome

Enrolado em 14 ações no STF, o deputado federal Roberto Góes (PDT-AP) começa a respirar e se livrou de uma. A Segunda Turma o absolveu na AP 924 por acusação de peculato. Góes contratou o criminalista Luís Henrique Machado, o mesmo que soltou Delcídio do Amaral da cadeia.

Na conta

Com dinheiro do Bradesco na conta, o Governo do Rio de Janeiro deve surpreender e pagar até amanhã as três folhas restantes de salários de servidores que estão em atraso.

Muy amigo

Parece um gangsterismo moderno nas relações internacionais, basta saber se Michel Temer vai dobrar os joelhos: após sancionar lei que atrai grandes empresas brasileiras para o Paraguai – e tem conseguido – o presidente Horácio Cartes vem a Brasília dia 21 de agosto pedir mais investimentos.

Bilhões sonegados

O Paraguai responde por grande parte de produtos contrabandeados para o Brasil , em especial os cigarros.

Gigi encrenqueiro

Não bastasse a briga pessoal com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o ministro Gilmar Mendes, do STF, comprou outra com a Associação Nacional dos Procuradores da República. A ANPR soltou nota de repúdio contra o ministro por, segundo a entidade, ele criticar a atuação de procuradores em investigações.

PF na rua

Delegados de Polícia Federal rodam o interior de São Paulo para coletar assinaturas de apoio popular à PEC da Autonomia da PF, que tramita na Câmara Federal. Na sexta, foram 1.500 assinaturas – 500 delas na pequena Socorro.

Na UTI

Do diretor do Dieese, Clemente Ganz, numa metáfora sobre a saúde do Brasil: “Foram deixando o quadro ficar tão grave que o paciente teve que ir pra UTI”

Sobre os Jogos

O empresário Paulo Octávio vai palestrar para jornalistas de 20 capitais no final de setembro sobre, entre outros assuntos, como o projeto de Brasília 2000 (no início dos anos 90) abriu portas para a concretização dos Jogos de 2016 no Rio.

TAGS