Participamos do

Ninguém quer a Petrobras

12:00 | Mai. 19, 2016
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia
A equipe do presidente Temer está com dificuldade para encontrar um executivo que aceite ser presidente da Petrobras. Até ontem à noite, alguns nomes do mercado recusaram. O salário é ‘baixo’ e a dor de cabeça diária. E o futuro presidente pode virar alvo da Justiça americana, pelas tramoias da gestão passada na mira de processos de indenização dos minoritários. E não só eles. Só o sheik de Abu Dhabi, Mohammed bin Zayed bin Sultan Al Nahyan, perdeu US$ 1 bilhão dos US$ 7 bi que seu fundo investiu na estatal. Ele entrou com processo em NY, revelou a Coluna em novembro passado.

Euuu!? Não!
Presidente do Bradesco, Luiz Trabuco foi sondado e recusou. Ele quase foi ministro da Fazenda de Dilma. É porque já foi avisado será presidente do conselho do banco.

Temer no Guinness
O presidente Temer pode entrar para o Guinness com a maior rejeição feminina a um cargo público ofertado. Foram recusas de seis mulheres em quatro dias.

Balcão
Há uma batalha sangrenta entre o staff de Temer e Dilma. O PT tenta conquistar senadores. Hoje, Temer só tem um voto de vantagem no Senado para ficar no cargo.

Guerra jurídica!
Começou a guerra entre gestões. O AGU Osório Medina vai defender no STF a constitucionalidade do Artigo 260 do Código de Processo Penal, que autoriza a condução coercitiva. O PT impetrou Ação Direta de Preceito
Fundamental nº 395, para evitar novos episódios como a condução de Lula pela PF.

Todo-poderoso
Apadrinhado por Eduardo Cunha, o novo subchefe jurídico da Casa Civil do Planalto, Gustavo Rocha, tornou-se um dos advogados mais poderosos do País. Além de escoltar o presidente, é membro do Conselho do MP e advogado da Executiva do PMDB.

Agora, explica!
Oficial de Justiça até ontem estava atrás de Dilma Rousseff. Após notificá-la, terá dez dias para esclarecer a verborragia do discurso do ‘golpe’. A ação é da Procuradoria da Câmara dos Deputados, e avalizada por determinação monocrática da ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal. O STF se sente provocado, pelo processo legal.

Turbulência no saguão
O Tribunal de Contas da União investiga contratos e licitações da Infraero, a pedido da Associação dos Empregados da estatal. É coisa grande. A assessoria da empresa informou que o TCU está ‘no estrito cumprimento de sua atribuição constitucional’.

Zen
Tem adotado uma linguagem zen e em tons filosóficos o ex-AGU José Eduardo Cardozo. “Há uma clareza evidente de que não há crime. Sabe como se dissolve o imaginário popular? Com a realidade”. A conferir

Fator BRICS
O chanceler José Serra não tem dado ouvidos para os reclames de países vizinhos que acusam o governo Temer de golpista. Mas não esconde a preocupação com a iminente reação dos BRICS. O bloco ainda não se pronunciou oficialmente.

Procura-se líder
Treze anos depois, partidos que integravam o consórcio dos governos Lula e Dilma ainda estão zonzos e sem rumo após o afastamento dela. Procuram nome de consenso – sem muitas opções - para liderar a chamada “Minoria” na Câmara, com 120 deputados.

Tô fora
A deputada Luiza Erundina (Psol-SP) chegou a ser sondada, mas não aceitou o “abacaxi”.
Com Walmor Parente e Equipe DF, SP e Nordeste

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente