PUBLICIDADE

Governo reduz em 90% verba de prevenção a desastres

12:00 | 07/01/2016
Está um desastre administrativo o orçamento do Governo para prevenção a desastres climáticos. Informações de posse da Coluna registram que o Ministério da Integração reduziu em 90%, gradativamente, a verba para ações contra enchentes e deslizamentos, desde 2011, quando foram liberados R$ 257,8 milhões. O valor caiu para R$ 169,2 milhões no ano seguinte; para R$ 52 milhões em 2013 e fechou 2014 com minguados R$ 26,3 milhões. Insatisfeita com os dados e sem apoio oficial, até a ONU fechou seu escritório de monitoramento de áreas de risco, que era bancada pela própria entidade.

Check list

As ações para prevenção abrangem Plano de defesa civil, Mapeamento das áreas de Riscos, Fiscalização sobre as ocupações inadequadas, manejo das águas pluviais etc.

Pressão oficial

O ministério só soltou os dados porque atendeu a requerimento do deputado Glauber Braga (PSOL-RJ). Egresso da região serrana do Rio, ele anda preocupado.

Memória triste

A serra do Rio foi cenário da maior tragédia climática e natural do Brasil, onde mais de mil pessoas morreram afogadas ou soterradas no verão de 2011 em três cidades.

Troféu Spam 2016

Maior metamorfose brasileira entre mandatários – trocou o PSDB onde era aguerrido opositor pelo PDT aliado do PT em Curitiba – o prefeito Gustavo Fruet, que anda sumido do cenário nacional, inovou na mensagem de boas festas. Disparou spam por e-mail com um avatar seu na ilustração sobre a inscrição ‘Feliz 2016’.

Que beleza, excelências...

Com tanta coisa importante para resolver, aparece esta da presidente Dilma: Decretou a lei 13.232 conferindo a Nova Iguaçu (RJ) o título de Capital Nacional dos Cosméticos. Sabe por quê? O ex-deputado federal Itamar Serpa (PSDB) tem uma grande fábrica lá.

Ga$$$

O governo da Bolívia está ganhando tanto dinheiro com a exportação de gás para o Brasil que estuda abrir rede de distribuição de gás no Paraguai e no Peru, pela YPFB. A revelação a um jornal local é do ministro de Hidrocarbonetos e Energia, Luís Sanchéz. É este mesmo governo, de Evo Morales, que se apossou de uma refinaria da Petrobras.

Salve, Luiz Gama

O presidente da OAB, Marcus Vinicius Furtado, vai propor um projeto de lei para incluir Luiz Gama na lista de heróis nacionais, como ocorreu com o nome de Leonel Brizola. Luiz Gama foi um escravo que, depois de conseguir a própria liberdade, atuou como rábula (advogado sem diploma) para ajudar a libertar centenas de outros negros. Em 2015, a OAB deu a ele o título póstumo de advogado.

Nasceu!

A situação anda tão devagar nesse Governo Dilma que só no último dia 29 de dezembro o Decreto nº 8.624 promulgou o acordo sobre o banco de fomento para os países dos BRICS. Este acordo fora firmado em julho de 2014. Estima-se uns US$ 15 bilhões em caixa para financiamentos a empresas com projetos de comum interesse dessas nações.

Patrus & Wagner

“O PT precisa de um exame de consciência”, aconselha Patrus Ananias, ministro do Desenvolvimento Agrário, fazendo eco ao chefe da Casa Civil, Jaques Wagner.

Ponto Final

Jaques Wagner só faz ecoar o que o próprio Lula já tem dito nos encontros políticos nos últimos meses: Nascido com a bandeira da ética, o PT precisa fazer um mea culpa.

Com Equipe DF, SP e Nordeste

TAGS