PUBLICIDADE
Notícias

Curió confessa mortes no Araguaia e revela covas

12:00 | 16/10/2015
Em depoimento histórico à Justiça na quarta, Sebastião Rodrigues de Moura, o Major Curió, abriu o bico para valer num script memorável. Foi localizado pela PF, levado em camburão com mandado de condução coercitiva, ao tentar driblar a convocação da juíza Solange Salgado com atestado de saúde. Ameaçado de prisão ao desconversar, abriu o jogo e confessou pelo menos duas mortes de guerrilheiros do Araguaia nos anos 70. Num momento tenso, foi acareado com ex-colaborador da ‘Operação Limpeza’, e um dos filhos do militar por pouco não saiu no braço com o ex-parceiro do pai.

As vítimas
O major matou a tiros os guerrilheiros Antônio Theodoro Castro, codinome Raul, e Cilon Cunha Brun, o Simão. Deu à Justiça a localização atual dos corpos.

Perfil
Bastante debilitado aos 77, Curió apareceu na 1ª Vara Federal de Brasília de bermuda, ‘andador’, e bolsa uretral. Combate um câncer de próstata.

Salvo pelo gongo
A audiência, em segredo de Justiça, durou dez horas (13h às 23h). Amparado pela anistia, Curió só confessou tarde da noite. A coluna antecipou ontem seu depoimento.

Cerco oficial
A audiência segue cronograma do MP Federal, que abriu inquérito penal para investigar os crimes do Araguaia. Curió é um dos principais personagens da época.

Rede petista
É a turma ligada à ex-ministra Ideli Salvatti (janeiro a junho de 2011) o alvo da Polícia Federal na Operação Enredados deflagrada na Secretaria de Pesca. Mas tem gente de todas as últimas três gestões de ministros envolvida na venda ilegal de licença para pesca. Entre eles caiu na rede a chefe de gabinete do ex-ministro Helder Barbalho.

Fisgada
Cláudia Gama, apelidada de vice-ministra pelos funcionários, foi levada sob condução coercitiva. Muita gente fez festa na pasta (e nas redes sociais) ao vê-la no camburão. Ela é tida como a matriarca de chicote da Casa e metida a mandar mais que os chefes. Tinha carro com motorista, o que lhe causou problemas ao usá-lo para assuntos pessoais.

Clube do Merca
Quinze congressistas do PT, entre senadores e deputados, compõem o Núcleo da Educação que se reunirá com o ministro Aloizio Mercadante a cada quinzena. O primeiro encontro foi na terça. Ele quer ouvir ideias para os ensinos básico e superior.

Se liga, mestre
Vem aí mudança nas exigências de currículos de professores, a fim de capacitá-los melhor, informa fonte do MEC.

Semana decisiva
O ministro do Governo, Ricardo Berzoini, convocou os líderes da base para reunião especial na segunda-feira. Pauta: bloquear os pedidos de impeachment da presidente.

Viola do Poder
Assessor de imprensa do deputado federal e cantor Sérgio Reis, Claudivan Santiago conquistou o chefe também com talento musical. Violeiro premiado, cantor de bares no DF, Santiago fez ponta em show do sertanejo e agora vão gravar canção juntos.

Pra todo mundo
A divulgação pela assessoria do prefeito Geraldo Júlio, do Recife, de que a primeira visita oficial do ministro da Saúde seria na capital causou furor no Piauí. Marcelo Castro gastou a quarta ligando para a bancada e o governador Wellington Dias para explicar. Ele não marcou nada ainda. E garante que irá a Teresina também, sua terra.

PSB arretado
De casa nova, o federal Danilo Forte inaugura sede do PSB do Ceará com festa em Fortaleza dia 23. Presença confirmada do presidente Carlos Siqueira, e dos expoentes socialistas Paulo Câmara (Governador de Pernambuco) e Renato Casagrande.

O escolhido
O PSB de Fortaleza já iniciou tratativas para lançar à Prefeitura Heitor Ferrer, que bateu na trave na última eleição.

Memória
O jornalista e escritor Zózimo Tavares lança na segunda na sede da OAB, em Brasília, o livro ‘Petrônio Portella, uma biografia’. O ex-ministro da Justiça completaria 90 anos.

Ponto Final
Na reunião com líderes do PT no Royal Tulip ontem, Lula falou o tempo todo como presidente da República.

Com Equipe DF, SP e Nordeste
TAGS