PUBLICIDADE
Notícias

PT assumirá o MEC

12:00 | 25/03/2015
A trapalhada verbal de Cid Gomes vai custar ao PROS o Ministério da Educação. O partido já foi avisado pelos ministros do Planalto de que o PT vai reassumir a pasta. Em reunião, a direção do PT citou dois deputados para o MEC: o ex-reitor Newton Lima (SP) e o federal mais votado de Minas, Reginaldo Lopes. À noite, o presidente do PROS , Eurípedes Junior, chamou alguns fundadores para um jantar a fim de buscar discurso para convencer a presidente Dilma a ceder outro espaço para o partido.

Perfis
Lima foi reitor em São Carlos e presidente da Comissão de Educação. Lopes foca sua atuação parlamentar no ensino e notabilizou-se por entrega de ônibus escolares.

Planos A e B
De palaciano: Dilma tem duas opções de reforma. Se for pontual, será semana que vem – a mudança no MEC. Se for ampla, com as demandas do PROS e PMDB, em meses.

Insistência
O PROS não desistiu ainda. Alguns parlamentares foram sondados sobre a possibilidade de assumirem a vaga de Cid Gomes. Mas dão de ombros.

Reparação histórica
O ex-presidente Jango não estava ‘na farra’, como citam livros de História, na véspera da morte de Getúlio Vargas em 54. Quem corrige é a ex-primeira-dama Maria Tereza Goulart, em depoimento inédito para o documentário ‘Os herdeiros de Vargas’, de Yacy Nunes e Daniel Zarvos, que concluíram as filmagens na segunda-feira.

Pombinhos
Maria Tereza diz que Jango estava em sua festa de aniversário de 14 anos – se casariam dois anos depois. Sua tia América, casada com Spartacus Vargas, irmão de Getúlio, ofereceu à sobrinha um jantar em Copacabana.

‘Herdeiros’ na tela
As gravações de Maria Tereza e Denize Goulart foram as últimas do filme que agora vai à edição. Na etapa final, os diretores tiveram apoio incondicional do presidente do PDT, Carlos Lupi, e de Antônio Neto, da Central dos Sindicatos do Brasil.

Maioridade neles!
Os deputados Laerte Bessa (PR-DF) e Alessandro Molon (PT-RJ) se agrediram na CCJ após divergirem sobre a maioridade penal no Brasil. Uma assessora quase apanhou.

Sobrou..
..para o homem de Sobral. O PROS debita totalmente a Cid Gomes a perda do poderoso MEC. Soma-se ao cenário Cid repetir que não era da cota da bancada e sim de Dilma.

Supremacia
Tentado conquistar aliados poderosos, o governador de Goiás, Marconi Perillo, fez um afago ao ministro do STF Gilmar Mendes. Entregaram juntos 1.172 diplomas do curso Gestão Governamental & Capacitação e Desenvolvimento Institucional, parceria do Governo goiano com o IDP – Instituto de Direito Público, ligado a... Gilmar.

Negócios à parte
Quem tem um diretório estadual aliado como o PSDB de Pernambuco, também não precisa de inimigos. À exceção de Daniel Coelho, que é candidatíssimo à Prefeitura do Recife, todos os outros tucanos viraram aliados do alcaide Geraldo Julio (PSB).

Cerco baiano
Novata no Congresso, com bandeira dos direitos das minorias e das mulheres, ex-vereadora de Salvador com quatro mandatos, a federal Tia Eron (PRB) fala em fazer um ‘cerco’ na Bahia pela capilaridade do PRB. A meta é eleger 50 prefeitos.

Stédile, o retorno
João Pedro Stédile tornou-se o exército de um homem só, pelo menos no discurso, a favor do MST e movimentos sociais. Retomou forte a agenda de palestras. Dará aula magna na inauguração da Faculdade de Serviço Social da Federal de Juiz de Fora dia 26

Câmara Fashion Week
Três beldades desfilaram incólumes ontem pelo plenário da Câmara, chamando atenção de todos pela beleza e discrição. Ninguém sabia, duas eram filhas de Eduardo Cunha.

Verdade
De um líder da base, sobre o poder de Eduardo Cunha: vivemos enfim um governo presidencialista com regime parlamentarista.

Ponto Final
Os chineses compraram a Pirelli. Haja carro para tanto pneu.

Com equipe DF, SP e Nordeste
TAGS