PUBLICIDADE
Notícias

Polícia em alerta para ataques na abertura da Copa

00:30 | 15/05/2014

O serviço de inteligência da polícia de São Paulo tem informações de que facção criminosa organiza ataques simultâneos na capital e região metropolitana dia 12 de junho, abertura da Copa do Mundo FIFA. As polícias militar e civil já preparam plano de prevenção, contingência e contra-ataque. Insatisfeita com o bloqueio de bens através de um minucioso trabalho da PF, a facção quer vitrine internacional. A onda de assaltos à mão armada na cidade estaria levantando dinheiro para financiar o ‘salve geral’.


Batalhão na rua
Oficialmente, a secretaria de Segurança Pública nega a informação. Mas em nota, afirma que pelo menos 10 mil policiais estarão nas ruas no dia da abertura da Copa.


Tropas de elite
‘Foi criado o Comando de Policiamento Copa (CPCopa) formado por 4.265 policiais’, informa a nota. Cavalaria, Batalhão de Choque a temida ROTA terão esquema especial.


Arena segura
No dia do jogo, que será feriado em SP, 600 PMs patrulharão os arredores do Itaquerão, além de outros 700 policiais do Comando de Trânsito e do Corpo de Bombeiros.


Nos aeroportos
A secretaria informa que a PM vai reforçar a segurança das delegações das seleções, dos aeroportos e redondezas, além de hotéis e centros de treinamento.


Agricultor tratorado
Enquanto doa milhares de escavadeiras a prefeituras, para obras do PAC, a presidente Dilma Rousseff ganhou mais ainda a ira dos representantes do agronegócio. Ela vetou ontem a lei aprovada no Congresso que isentava de cobrança o emplacamento de tratores. É um valor que pesa no bolso do pequeno a grande agricultor.


Preço do agrado
Cada Estado tem uma tabela de cobrança, que varia de R$ 500 a R$ 1 mil por veículo. Ganhou a oposição do autor do PL, deputado Alceu Moreira (PMDB-RS). Ao manter a cobrança, ela ajudou os governadores a manterem uma pífia parcela de arrecadação.

Bolso cheio
O senador Roberto Requião (PMDB) tem levado a melhor na Justiça na pendenga contra ações que questionam sua aposentadoria como governador do Paraná. Já embolsou R$ 1,3 milhão entre julho de 2010 e abril deste ano.


Paquera com PP
Em Minas, o estadual Dinis Pinheiro (PP) será o vice na chapa de Pimenta da Veiga (PSDB) para o governo. É jogada de Aécio Neves para tentar atrair o PP para sua chapa.


Malta no páreo
O senador Magno Malta (ES) pressiona o PR a lançar seu nome para disputar a presidência da República. Malta ganhou notoriedade como presidente das CPIs do Narcotráfico e da Pedofilia, e tem aparecido em programas populares de TV, em rede.


O chefão
O senador, que tem relatórios bombásticos sobre crimes, defende a redução para até 14 anos da Maioridade Penal. Seu maior empecilho seria explicar para o eleitor o que faz na cadeia o presidente do partido, o mensaleiro Valdemar da Costa Neto (SP).


Tá feia a coisa
O aumento dos conflitos de rua em Caracas, a suspensão do diálogo entre oposição e governo e mais prisões repercutiram no Brasil: foi cancelada audiência na Câmara que contaria com a a ex-deputada María Corina e de uma jornalista da Globovísion. Ficaram com medo de serem presas no aeroporto, como os estudantes semana passada.


Do campo
O agronegócio já está fechado com Aécio Neves para a eleição. Congressistas lembram que milhares de prefeitos do interior são muito ligados ao setor, descontentes com ações de Dilma Rousseff. E são eles e vereadores os principais cabos-eleitorais.


Sobre haitianos
O advogado especialista Fernando Tibúrcio apenas comentou a tese de juristas paulistas sobre a possibilidade de Tião Viana responder a processo internacional.


Protesto inteligente
Do publicitário Roberto Francelino, do Rio: Motoristas de ônibus, em vez de pararem a cidade e cruzarem os braços em protesto, levem os passageiros de graça...


Ponto Final
Será que o Brasil inteiro pula roleta num ônibus na contramão?
______________________________
Com Luana Lopes e Equipe DF e SP

TAGS