PUBLICIDADE
Notícias

O anúncio de Marina

10:09 | 21/02/2014
Marina Silva vai ser anunciada como vice de Eduardo Campos (PSB) logo após o Carnaval. A pedido do presidenciável, o PSB prepara um grande evento no Rio de Janeiro. A ideia é fazer barulho para repercussão ampla na mídia, a fim de auferir a potencialidade da dupla nos índices das próximas pesquisas Ibope, CNI e CNT. Marina avisou ao partido que estaria disposta a oficializar a chapa dentro de dez dias. Na avaliação dos socialistas, a campanha é jogo jogado, está nas agendas e ruas.

Vitrine

O Rio é estratégico. Vitrine para mídia nacional, é o estado onde Marina foi muito bem votada em 2010, e onde Miro Teixeira (Pros) se lança a governador e abre palanque.

Saque

Bernardinho veio a Brasília para dar ‘não’ definitivo ao convite de Aécio para disputar o governo do Rio. Depois do almoço, o técnico de vôlei pediu 10 dias para pensar.

O escolhido

Eduardo Campos anuncia hoje o secretário de Fazenda de seu governo, Paulo Câmara, o candidato à sua sucessão em Pernambuco. É fiel escudeiro desde o Congresso Nacional.

A ‘NSA’ colombiana

Para quem achava que apenas os Estados Unidos têm a poderosa NSA, que espiona todo mundo, a Colômbia surpreendeu. Um núcleo de inteligência militar hackeou 2.600 e-mails e grampeou telefones de dezenas de jornalistas de agências internacionais que atuam em Bogotá, porque mantiveram contatos com correspondentes das Farc.

Defesa nacional

Por soberania nacional, o núcleo espiona há anos os jornalistas que se correspondem com os porta-vozes das Farc. São jornalistas da Associated Press (AP), France-Press (AFP), EFE, Reuters, etc, denunciou a Repórteres Sem Fronteiras.

Pré-folia

O clima anda tão ruim no PMDB que um grupo de 18 deputados do partido, de vários estados, procurou anteontem o PPS e o PSB para conversar. Os escolhidos foram os deputados Arnaldo Jardim (PPS) e Márcio França (PSB), de São Paulo.

Jaburu
A presidente Dilma tratou com frieza os líderes do PMDB no jantar com a bancada no Palácio do Jaburu, a residência de Michel Temer. Sorrisos, só para o vice.

Palanques do Rio

Garotinho espalha que visitou Dilma, e ela lhe pediu apoio. O deputado diz que só a apoia se ela tirar Crivella (PRB) do páreo. Ambos têm o voto evangélico. Ficou difícil.

Quase vaia

O ex-presidente Lula e o pré-candidato ao governo de SP, Alexandre Padilha (PT), sorriram amarelo há 11 dias. Em evento com usineiros de cana, a presidente da Unica, Elizabeth Farina, fez duro discurso contra Dilma. Foi aplaudida de pé.

Calote sem Fronteiras

O CNPq e a Capes admitem que atrasaram depósito para bolsistas do Ciências Sem Fronteiras em países da Europa. ‘A demora do pagamento do auxílio alimentação ocorreu devido aos trâmites internacionais de recebimento e pagamento das faturas’.

Biometria militar

O Exército acompanha com atenção o iminente cancelamento da licitação do TSE para 5103 kits de cadastro biométrico, conforme noticiou a Coluna. Destes, 400 kits vão para a Força utilizar para registro de militares e civis em suas dependências no País.

Dois pesos

O reajuste dado pelo governo do DF à PM causa discrepância não apenas com outras polícias estaduais. O Coronel PM passa a receber R$ 21 mil; um subtenente, R$ 12.104,90; soldado, R$ 7.190,98 – mais que um tenente-aviador do Airbus da Dilma.

Folia do Din Din!

O acertador da Mega dos R$ 111 milhões tem mais motivo$ para festejar. Mas também 709 brasileiros vão pular bem o Carnaval. Levaram R$ 16 mil na quina da Mega.

Mãos de Miss
A senadora Gleisi Hoffmann se cuida para campanha pelo governo do Paraná. A começar pelas mãos. Tem usado luvas por tratamento dermatológico contra manchas.

Ponto Final
Bernardinho na política é saque ou bola fora ?

Com Luana Lopes e Equipe DF e SP

TAGS