PUBLICIDADE
Notícias

Ceará ganha mais um hotel com serviço 'all inclusive'

07:02 | 06/08/2015
NULL
NULL
Para se ajustar ao gosto internacional, o Coliseum Hotel, de Beberibe, passará em breve a ter os seus serviços no sistema “all inclusive”. A informação é do diretor do empreendimento, Darlan Leite, que possui anda na região os hotéis Praia e Parque das Fontes.

O sistema hoteleiro com tudo incluído, onde o hóspede não se preocupa em pagar por serviços extras aos da hospedagem (em geral, incluem todas as refeições, petiscos e bebidas) é o preferido dos hóspedes internacionais.

O dirigente do hotel afirmou à Coluna que o crescente interesse de turistas argentinos pelo Nordeste, em especial pelo Ceará, motivou o Coliseum a ingressar nesse novo método de hospedagem.

No Ceará, atualmente, apenas o Vila Galé Cumbuco utiliza o serviço ‘all inclusive’, sendo um dos principais atrativos do hotel, especialmente pelos estrangeiros que compram pacotes junto a agências de viagens internacionais.

43ª ABAV – EXPO INTERNACIONAL DE TURISMO ABRE INSCRIÇÕES PARA PROFISSIONAIS DE IMPRENSA

Desde segunda-feira (3) que está liberado o credenciamento online para a participação de profissionais de imprensa na 43ª ABAV - EXPO Internacional de Turismo, que se realizará de 24 a 26 de setembro de 2015, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas diretamente pelos profissionais até o dia 20 de setembro, bastando para isso acessar o link e seguir o passo a passo indicado pelo sistema, que este ano inova estabelecendo uma categorização das editorias.

A assessoria de imprensa do evento está a cargo da AMIgo! Comunicação Integrada, que fará um atendimento à imprensa personalizado, segmentando a divulgação conforme a editoria de cobertura do jornalista (turismo trade, turismo consumidor final, economia e negócios, turismo rural e agronegócios, meio ambiente e sustentabilidade, comportamento, variedades, aviação e transporte, cidade, colunismo social, gastronomia e tecnologia). Todas as sugestões de pauta, press releases, notas de agenda, material multimídia e depoimentos serão enviados de acordo com as necessidades do profissional, evitando a prática de spam ou informações irrelevantes, por isso é importante identificar seus interesses no preenchimento da ficha de inscrição.

AIRBUS CONSEGUE PATENTE PARA AVIÃO HIPERSÓNICO

Segundo o jornal The Guardian, a patente para este projeto de avião hipersónico foi aprovada nos EUA na quarta-feira, dia 5 de agosto, pelo US Patent Office. Ainda assim, a Airbus diz que é improvável que este suposto sucessor do Concorde voe num futuro próximo.

Este avião usaria motores Ramjet, atualmente usados em mísseis, o que o levaria a atingir altitudes de cerca de 30 quilômetros e velocidade de mach 4.5 (cerca de 5470 Km/h), 4,5 vezes a velocidade do som. Esta velocidade faria com que as 12 horas de viagem entre Paris e Tóquio se transformassem em menos de três.

A Airbus já disse que é improvável que este projeto seja posto em prática num futuro próximo: "O grupo Airbus e as suas unidades solicitam centenas de patentes todos os anos para proteger propriedade intelectual", referiu um porta-voz da empresa citado pelo Guardian. "A maioria destas patentes acabam por não se tornarem produtos acabados", acrescentou.

GOVERNO FEDERAL ESTUDA CRIAÇÃO DE ÁREAS ESPECIAIS DE TURISMO

O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, pediu ao ministro Armando Monteiro apoio para a criação de Áreas Especiais de Turismo. O projeto, em estudo pelo Ministério do Turismo, prevê a definição de áreas com benefícios econômicos e facilidades no processo de licenciamento para atração de investidores.

“Seria um grande passo para conseguirmos atrair investidores para áreas que possam ser exploradas de maneira sustentável. Poderíamos atrair divisas, gerar empregos e movimentar a economia dessas regiões”, afirmou Henrique Eduardo Alves, em cerimônia de assinatura de um acordo entre os dois ministérios, com o objetivo de compartilhar de informações para investidores.

O México é um exemplo evidente de como essa medida pode mudar o cenário que temos hoje no Brasil. Há 40 anos, a região que hoje abriga e Cancun era abandonada. No ano passado, o turismo acrescentou US$ 16 bilhões à economia do país, sendo que apenas Cancun respondeu por 70% desse montante.

O ministro Armando Monteiro confirmou o apoio do MDIC para o que chamou de zonas de processamento de exportação para serviços. “Turismo é exportação. A possibilidade de incluir o turismo na legislação e transformar o que hoje só contempla bens para serviços é uma grande oportunidade para o Brasil. Construiríamos as Zonas de Processamento de Exportação de Serviços”, disse Monteiro.

Atualmente, a estrutura das Zonas de Processamento de Exportação (ZPE) é vinculada ao MDIC. A orientação da política das ZPE, os requisitos necessários e a análise das propostas são de responsabilidade do Conselho Nacional das Zonas de Processamento de Exportação (CZPE).
TAGS