PUBLICIDADE
Notícias

42ª ABAV reforça venda do destino Brasil com a presença de 150 compradores internacionais

09:34 | 10/09/2014
NULL
NULL
Pelo terceiro ano consecutivo, a 42ª ABAV – Expo Internacional de Turismo, principal feira internacional de negócios do setor das Américas, contará com a presença de compradores internacionais convidados, profissionais com amplo poder de decisão interessados na promoção e venda do destino Brasil.

Com o patrocínio da Embratur, a ABAV Nacional dá continuidade, nesta edição, ao maior programa de hosted buyers do continente americano, trazendo para o evento 150 compradores provenientes de países como Argentina, Canadá, Chile, Egito, Emirados Árabes, Estados Unidos, Hungria, México, Reino Unido, Uruguai e Venezuela, entre outros, com forte atuação nos segmentos de turismo de lazer e MICE (Meetings, Incentives, Conferences and Exhibitions, na sigla em inglês).

De acordo com Antonio Azevedo, presidente da ABAV Nacional, a iniciativa visa incrementar o retorno já conquistado pelo País durante a Copa do Mundo, período em que foram arrecadados R$ 6,7 bilhões com a vinda de 600 mil turistas estrangeiros e a movimentação de 3,1 milhões de brasileiros. “A ABAV Expo é o palco ideal para que estes compradores internacionais retornem aos seus países com bons negócios e informação suficiente para contribuir com o ingresso de mais turistas estrangeiros no Brasil”, reforça o dirigente.

A 42ª ABAV Expo será realizada de 24 a 28 de setembro, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo, e promoverá o encontro de 3,5 mil marcas expositoras com público profissional estimado em 40 mil visitantes. O evento será aberto ao público consumidor nos dias 27 e 28 (sábado e domingo), quando pacotes de viagens estarão à venda com descontos e preços promocionais negociados com exclusividade para o Feirão ABAV.

NORDESTE TEM MAIOR INTENÇÃO DE VIAGEM NO MÊS AGOSTO
De acordo com pesquisa do Ministério do Turismo, o mês de agosto registrou a maior intenção de viagem do ano: 28,8%, o que reflete a proximidade das férias de fim de ano. A região apontada como destino favorito pela maioria dos entrevistados é a Nordeste (48,1%), seguida pelo Sul (21,2%), Sudeste (19,2%), Norte (7,3%) e Centro Oeste (4,2%).

O índice mede a probabilidade do brasileiro de viajar durante o próximo semestre. Os demais meses do ano registraram percentuais inferiores: janeiro (27,1%), fevereiro (26,7%), março (27,1%), abril (26,3%), maio (24,6%), junho (24,3%) e julho (23,9%).

A “Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem” é um levantamento feito pelo Ministério do Turismo e a Fundação Getúlio Vargas. Foram ouvidos dois mil moradores de sete cidades do país: Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, que representam 70% do fluxo de turistas do país.

PARQUES NACIONAIS GANHAM INVESTIMENTOS DO MTUR

Ministério do Turismo publicou de chamada pública que prevê o investimento de até R$ 3 milhões em comunidades do entorno de 12 Parques Nacionais priorizados pelo Ministério do Turismo. Do Nordeste são: Anavilhanas (AM); Lençóis Maranhenses (MA) e Ubajara (CE).

O objetivo é estimular a produção artesanal, cultural ou agroindustrial associada ao turismo. Serão contemplados cinco projetos, um de cada macrorregião do país, com valor máximo individual de R$ 600 mil.

O investimento na produção associada ao turismo é uma das ações que visa preparar o entorno dos parques para o aumento do fluxo de turistas na região. Atualmente os Parques Nacionais brasileiros recebem 12 milhões de pessoas por ano e faturam cerca de R$ 1,5 bilhão.

EMPRESAS DE TURISMO REGISTRAM CRESCIMENTO DE 11%
O faturamento médio das empresas do setor de turismo cresceu 11,1% no segundo trimestre de 2014, na comparação com o mesmo período de 2013. É o que revela o Boletim de Desempenho Econômico do Turismo. Os percentuais mais elevados foram registrados nos segmentos de parques e atrações turísticas (15,8); turismo receptivo (15,3%), meios de hospedagem (15,1%) e transporte aéreo (11,6%). O salto na arrecadação das empresas do setor (11,1%) é o maior dos últimos seis anos.

No mesmo período, abril, maio e junho, houve também aumento médio de 15% no quadro de pessoal das empresas. O resultado foi atribuído pelas empresas aos investimentos realizados no ano e a maior divulgação dos atrativos e roteiros turísticos. Os segmentos de transporte aéreo e de parques temáticos sentiram os efeitos positivos da realização da Copa do Mundo, ainda que a pesquisa tenha captado somente resultados da primeira metade do Mundial, que começou em 12 de junho e teve um mês de duração.

DECOLAR
Dona da maior fatia do mercado de venda de passagens aéreas no Brasil, que no ano passado faturou US$ 2,3 bilhões, a empresa argentina Decolar.com parte agora para a venda de pacotes de viagens, e abre concorrência direta com a CVC. A operador on line, quer agregar a hotel, traslado e passeios, que pode oferecer ganhos quatro vezes maiores do que os bilhetes aéreos.

TAP
A imprensa de Portugal noticiou no final de semana que o empresário português Miguel Pais do Amaral e o norte-americano Frank Lorenzo, antigo acionista e presidente da Continental Airlines, formalizaram proposta de compra da aérea ao governo de Portugal. A negociação inclui ainda o Grupo Barraqueiro, presidido por Humberto Pedrosa, responsável por mais de 20 empresas no ramo de transportes no País. Esse grupo opera com uma frota de mais de 3000 veículos pesados, além da concessão da linha ferroviária sobre o Tejo (Fertagus) e da concessão do Metro Sul do Tejo (MTS).

COPACABANA PALACE
Segundo noticiou “O Globo”, José Eduardo Guinle enviou uma carta ao prefeito do Rio, Eduardo Paes, pedindo para que seja tombada a marca que dá nome ao hotel construído por sua família, o Copacabana Palace. Guinle coletou milhares de assinaturas para que a Orient Express pare de usar o nome Belmond nas mídias sociais e em propagandas.

TAGS