PUBLICIDADE
Notícias

Qual o segmento mais beneficiado com a presença do turista na cidade: o comércio ou os hotéis?

14:52 | 27/08/2014
NULL
NULL
Para responder essa pergunta, a pesquisa de Hábitos e Costumes do Ministério do Turismo da a dica. O levantamento mostra que os segmentos hospedagem/ transporte consomem um pouco mais da metade do gasto total dos turistas nas viagens, e que, em seguida, aparecem os setores alimentação e presentes.

Questionado por este colunista sobre o motivo do Fortaleza Convention & Visitor Bureau (FB&VB) afirmar que o comércio é o segmento que mais lucra com a vinda dos turistas em Fortaleza, o presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/Ipdc, Luiz Gastão Bittencourt (foto), diz que essa briga é antiga. Para ele não há como aferir que o segmento comercial do Estado é o que se beneficia com a maior participação dos gastos.

O dirigente diz que o segmento comercial é muito competitivo, e que vive o livre mercado da forma mais aberta. “Como é que eu posso mensurar quanto é que o turista tá comprando na loja? Não há como”, questiona ele.

Gastão Bittencourt atribui à discussão a época da formação do Fortaleza Convention, que questionava a participação do comércio no âmbito da entidade. “O que acontece é que eles querem que o comércio banque. E os hotéis bancam o quê? A taxa que os hotéis repassam ao Convention vem do turista. E os hotéis entram com quê? Nada. Administram o dinheiro do turista pra eles promoverem eventos para a cidade e trazer mais turistas para se hospedar nos hotéis. Qual o investimento deles? Eu represento hoje a Federação do Comércio de Bens e Serviços e Turismo. O turismo é um dos segmentos da Federação do Comércio. Eu não vou defender um em detrimento de outro. Nós propusemos que os hotéis criassem um cartão para que o turista, quando fosse comprar no comércio, tivesse a condição de se identificar. Aí sim, você pode contribuir com a mesma taxa que o turista paga no hotel. O restaurante, por exemplo, pode contribuir pela quantidade de prato consumido. Nesse caso, o turista tá identificado e eu defendo isso. Mas, vamos organizar!!”, diz ele.

SINDIEVENTOS X FORTALEZA CONVENTION
Ainda sobre a essa questão, o presidente da Fecomércio, Gastão Bittencourt, admite que o segmento de eventos é uma área muito promissora e que tem muito a contribuir com o turismo. Ele foi o criador do Sindicato das Empresas Organizadoras de Eventos do Ceará (Sindieventos) no âmbito da Federação. “O Sindicato de Eventos congrega as empresas de eventos e a cadeia produtiva do setor. Na comparação com o Convention Bureau, o papel do Convention é mais promover o turismo como um todo. O Sindicato de Eventos deveria, sim, ter voz e vez dentro do Convention. O Convention é que eu acho que precisa de uma repaginada, de uma reestruturação, e de um planejamento estratégico das ações para que ele possa congregar, e sim, incluir todos os atores do turismo, e não uma parcela dele. O Convention só será um grande Convention Bureau se ele conseguir trazer todos os segmentos envolvidos e ter líderes para propagar as ações do órgão em todos os locais”.

POTENCIAL DO TURISMO DE EVENTOS
O propósito, a 6ª edição do Fórum de Turismo de Negócios (FNT) está programada para os dias 29 e 30 de setembro, em Florianópolis. O turismo de negócios é um dos segmentos mais importantes para a economia turística do país. Ele ocupa a primeira posição entre os que mais aumentaram seu faturamento em 2013: 8,8% maior em relação ao ano anterior, de acordo com a 10ª Pesquisa Anual de Conjuntura Econômica do Turismo, realizada pela Fundação Getúlio Vargas.

O turismo de eventos é também o segundo maior fator de atração de visitantes estrangeiros para o Brasil: 25,6% dos turistas internacionais vêm ao país com essa finalidade, e seu gasto médio diário, US$ 127, é quase duas vezes maior que o desembolso dos turistas de lazer.

PROGRAMAS DE MILHAS
As empresas aéreas estão sendo acusadas de dificultarem a troca de milhagens e clientes estão perdendo a paciência na hora de resgatar o benefício. Além da demora no resgate das milhas, o sistema te vulnerabilidade com perdas repentinas dos pontos, A propósito, a Proteste, a associação de defesa dos direitos dos consumidores mais popular do Brasil, aguarda decisão em primeira instância de uma ação civil pública em São Paulo contra a Gol (Smiles) e a TAM (Multiplus), que dominam o mercado nacional, por conta dos prejuízos aos usuários provocados pelas recorrentes alterações nas regras contratuais. O que se pede é uma revisão dos contratos, incluindo prazo ilimitado para uso dos pontos acumulados.

TURISTA DA COPA GASTOU O DOBRO DO HABITUAL
O turista estrangeiro que esteve no Brasil durante o Mundial gastou mais que o dobro do que geralmente gasta quando visita o país, de acordo com pesquisa do Ministério do Turismo em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE). A média de desembolso diário foi de US$ 134. Fora da Copa o valor é US$ 68,94.

Em termos totais, o gasto per capita do estrangeiro durante a Copa foi de pouco mais de US$ 2 mil para um tempo de permanência médio entre 13 a 15 dias. Sem considerar o Mundial, o gasto por pessoa é de US$ 1,1 mil e a permanência média é de 16,5 dias. A renda familiar dos estrangeiros que estiveram na Copa (US$ 6.489) também se mostra 40% superior a do turista tradicional (US$ 1.850).

Na semana passada, o Banco Central divulgou os valores que os turistas estrangeiros deixaram no Brasil no mês de julho: US$ 789 milhões. Somados a junho: US$ 797 milhões, os gastos chegaram a US$ 1,58 bilhão. O valor é 59,7% maior que o mesmo período de 2013 (US$ 993 milhões).

AMERICAN AIRLINES

American Airlines acaba de lançar edital para selecionar candidatas a comissários de bordo que falem fluentemente o português. A decisão pode está relacionada com o aumento dos voos da empresa norte-americana para o Brasil. O anúncio foi publicado na sexta-feira passada (22), e tem prazo de validade até o dia 30 de setembro. A carga horária exigida é de tempo integral.

Do Nordeste, a American Airlines voa atualmente de Recife (PE) e Salvador (BA) para Miami, mas a partir do dia 3 de dezembro iniciará voos diários ligando Campinas (SP) a Miami. Também nesse período a American Airlines fará a ligação Campinas-Nova Iorque, com três frequências por semana. Esses voos já estão disponíveis no site da companhia e nos sistemas de vendas das agências de viagens.

O TURISMO NO FUTURO GOVERNO

Os associados das entidades do turístico do Ceará promoveram ontem, quarta-feira (27), no Romanos Hotéis e Eventos, o primeiro encontro com os candidatos ao Governo do Estado do Ceará. Na ocasião, os candidatos da coligação “Para o Ceará seguir mudando”, Camilo Santana (PT), para Governador, e e Mauro Filho, para o Senado, fizeram uma explanação com o tema “O Impacto Econômico e Social do Turismo no Desenvolvimento do Ceará”. Em data ainda a ser definida, ocorrerá encontro com outros candidatos de partidos concorrentes.

TAGS