PUBLICIDADE
Ceará
Após prisão

Empresário Yury do Paredão é transferido para Cadeia Pública de Juazeiro do Norte

Polícia Civil cumpriu mandado de prisão contra o empresário na última segunda-feira, 6.

16:49 | 07/08/2018

O empresário Yury Bruno Alencar Araújo, de 30 anos, conhecido como Yury do Paredão, foi transferido nesta terça-feira, 7. da delegacia de Juazeiro do Norte para a Cadeia Pública da Cidade. A informação foi confirmada pela Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus).

A polêmica envolvendo o empresário começou após a repercussão de um vídeo em que ele aparece atirando contra o chão, próximo aos pés de um dos seus funcionário, em uma propriedade na zona rural do município.

Após o caso, o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) constatou que Yuri não possui registro de arma de fogo e pediu a prisão dele por meio de um mandado temporário, além do mandado de busca e apreensão, ambos concedidos pela Justiça.

Na tarde da segunda-feira, 6, Yuri foi prestar depoimento juntamente com os advogados na delegacia. No entanto, acabou preso. O advogado do empresário, Paulo Giorgio Quezado, afirma que está empenhado na defesa do empresário.

Uma arma de fogo foi apreendida na fazenda do empresário e, em seguida, a Polícia Civil constatou que a pistola pertence à Polícia Militar de Pernambuco, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Conforme o órgão, a vítima que aparece no vídeo também foi ouvida. Yury foi autuado por porte ilegal de armade fogo e disparos de armade fogo. 

Redação O POVO Online