CGD apura conduta de sargento preso após não pagar conta de motel em Juazeiro do Norte

O agente de segurança precisou ser contido por uma equipe policial. A abertura do Conselho de Disciplina foi publicada no Diário Oficial do Estado na última semana, mas caso aconteceu em 2022

A Controladoria Geral de Disciplina (CGD) instaurou processo de disciplina para apurar a conduta de um sargento da Polícia Militar do Ceará (PMCE) por injúria, desacato e desobediência, durante uma ocorrência em um motel de Juazeiro do Norte, no Cariri cearense.  A informação foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) da última quinta-feira, 5 de setembro. 

Conforme o documento, o caso aconteceu em 2022, no bairro Romeirão, quando o agente de segurança não pagou a conta do estabelecimento.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) foi acionada, e uma equipe da Polícia Militar foi ao local e tentou convencê-lo a realizar o pagamento. No entanto, o policial teria feito diversas ofensas à composição, de acordo com a investigação.

Após ser dada voz de prisão, a equipe foi informada de que o homem era policial militar. Ele teria oferecido residência, e foi necessário contê-lo para que fosse levado ao quartel. O policial estava de Licença Para Tratamento de Saúde (LTS).

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Segurança Pública crime Ceará Controladoria Geral de Disciplina Ceará Juazeiro do Norte PM preso conta motel

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar