PUBLICIDADE
Notícias

Cabeleireiro é assassinado quando deixava currículo no Sine/IDT de Itaitinga

A vítima foi atingida com tiros nas costas e na cabeça. Uma funcionária do Sine levou um tiro de raspão no pé e foi socorrida. Polícia investiga motivação do crime

11:15 | 09/05/2017

Atualizada às 19h30min

Um cabeleireiro de 33 anos foi morto na tarde dessa segunda-feira, 8, quando deixava currículo no Sistema Nacional de Empregos/Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (Sine/IDT), em Itaitinga. Ele foi atingido com tiros na cabeça e nas costas, segundo informações preliminares da Polícia. A atendente do local, que falava com a vítima, foi atingida com um tiro de raspão no pé.

A Polícia Civil informou que o crime foi registrado às 14 horas, quando dois homens em uma moto chegaram ao local efetuando disparos. O inquérito sobre o caso será instaurado na Delegacia Metropolitana de Itaitinga.

A vítima foi identificada como Jefferson Cauã Holanda Pinheiro. Os criminosos fugiram e ainda não foram identificados.

A vítima tinha uma passagem pela Polícia, em 2014, pelo crime de injúria. A motivação do assassinato ainda está sendo investigada. 

Em nota, o Sine/IDT do Ceará lamentou o ataque no Posto de Atendimento Conveniado de Itaitinga. O atendimento na unidade será retomado na quarta-feira, 10.

"O crime está sendo investigado pelos órgãos de segurança do Governo do Estado", completa a nota.

Atualização: a vítima era homossexual e não travesti, como foi divulgado anteriormente.

 

TAGS