PUBLICIDADE
Notícias

Polícia não confirma hipótese de que homicídio de secretário teria motivações passionais

Quando foi morto, Pedro estava acompanhado da esposa, que contou à Polícia que os suspeitos não eram conhecidos deles

09:31 | 03/02/2016
O assassinato do secretário de Esportes de Ibicuitinga, Pedro Lopes da Silva, 49, tem gerado boatos na cidade, mas até a manhã desta quarta-feira, 3, a Polícia não confirma que o crime tenha tido motivações passionais. A vítima foi morta por dois homens, em uma sorveteria da cidade, na noite de terça-feira, 2.

“Nenhum pertence foi levado, o que indica vingança, mas não podemos afirmar que essas informações sobre crime passional são verdadeiras”, explicou o subtenente Ricardo de Andrade, da Polícia Militar da cidade.

Quando foi morto, Pedro estava acompanhado da esposa, que contou à Polícia que os suspeitos não eram conhecidos deles. “Esses comentários de que ele se envolveu com uma mulher de um ex-presidiário estão rodando a cidade, mas o caso ainda está sendo investigado”, disse o subtenente.

Segundo a PM, o assassinato do secretário deve será investigado pela Polícia Civil de Morada Nova, pois a cidade não possui delegado.

Redação O POVO Online
TAGS