PUBLICIDADE
Notícias

18 barracas de praia são embargadas pela Semace

A operação aconteceu no último fim de semana. As barracas tiveram suas atividades suspensas por tempo indeterminado

14:44 | 12/05/2015
Com objetivo de disciplinar o uso e a ocupação do solo e proteger as praias, os fiscais ambientais da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) realizaram no último final de semana a Operação Falésias, na Praia de Morro Branco, município de Beberibe. A ação, feita pela Diretoria de Fiscalização (Difis) do órgão, terminou com a aplicação de multas e o embargo de 18 barracas.
Um estudo prévio tinha acontecido na localidade no último dia 21 de março. Na ocasião,foi definida uma linha de maré alta, denominada preamar, utilizada como referência para estabelecer os limites da área não passível de edificações. De acordo com a Semace, ainda na atividade de março, foram feitos o levantamento dos empreendimentos existentes e a avaliação das estruturas físicas.
Depois de mapear a área e analisar os casos, a operação, do último sábado, 9, aplicou as sanções administrativas para quem se manteve em situação irregular. Os empreendimentos embargados tiveram suas atividades suspensas por tempo indeterminado.
Para os donos das barracas é estipulado o prazo de 20 dias para dar entrada na defesa administrativa junto à Semace. Conforme o órgão, na próxima quinta-feira, 14, a partir das 15h, os representantes das 18 barracas embargadas, a Prefeitura Municipal de Beberibe e a Semace irão celebrar em reunião o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).
Redação O POVO Online  

TAGS