PUBLICIDADE
Notícias

Polícia pede pede prisão de três suspeitos de matar vereador em Barreira

Os três suspeitos moram na localidade de Pascoalzinho, perto do bar onde ocorreu o crime. O secretário de transporte de Barreira e o filho dele estão foragidos

13:57 | 26/08/2015

Três homens, suspeitos de matar o vereador José Targino dos Santos, 52, tiveram mandados de prisão preventiva expedidos pela Justiça, em Barreira, a 75,5 km de Fortaleza. A Polícia Civil localizou um deles, identificado como Pedro Xavier, nesta quarta-feira, 26. O secretário de transporte Valdeci Raulino do Nascimento, e o filho dele, Valdeilson Raulino do Nascimento estão foragidos.

O delegado Ricardo Gonçalves, titular da Delegacia Regional de Baturité, informou que uma testemunha disse que Valdeilson e Pedro Xavier atiraram contra o vereador durante uma discussão em um bar. "O vereador estava com o Pedro, quando os dois começaram a falar sobre uma questão política de água. O Valdeci chegou com o filho, e sabendo que havia sido citado por Targino, uma agressão física foi iniciada. Nessa briga, o Valdeilson e o Pedro atiraram", relatou.

As prisão foram requeridas por Gonçalves e pela delegada de Redenção, Arlete Silveira. Os três suspeitos moram na localidade de Pascoalzinho, perto do bar onde ocorreu o crime. A Polícia realizou buscas nas residências deles durante todo a terça-feira, 25, e por volta das 11 horas desta quarta-feira, 26, Xavier foi à delegacia.

"Deixamos um recado e quando ele nos ligou solicitamos que viesse para a unidade. Como o Valdeci e o filho não apareceram e nem foram encontrados, são considerados foragidos da Justiça", completou Ricardo.

Serviço

Informações sobre os foragidos podem ser repassadas à Delegacia Regional de Barreira pelo número: 3347-4241.

TAGS