Participamos do

Andorinha lança programa de aceleração para negócios sociais do Nordeste

A iniciativa pretende fomentar o acesso à alimentação de qualidade na região. Serão selecionados seis negócios que tenham soluções inovados para os desafios do Nordeste brasileiro
22:42 | Nov. 09, 2021
Autor Isabela Queiroz
Foto do autor
Isabela Queiroz Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Andorinha, marca pertencente ao grupo Sovena, anuncia nesta semana um programa de aceleração de empreendimentos do Nordeste. A iniciativa pretende encontrar e fomentar negócios que apresentem inovações e soluções para os principais desafios do acesso à alimentação saudável e de qualidade na região. A participação é gratuita e as inscrições podem ser realizadas por meio do site do Programa até a próxima quarta-feira, 17.

Parte do projeto Revoa, o Programa de Aceleração Azeite Andorinha irá incluir até seis negócios sociais selecionados em um programa de aceleração financiado pelos lucros de um novo produto: o “Azeite Andorinha Extra Virgem Projeto Revoa”.

LEIA TAMBÉM | Semana dos Pobres promove distribuição de cestas básicas, refeições e atendimento médico

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Serão selecionados os empreendimentos que tenham soluções inovadoras para um dos seguintes desafios:

- Prestação de assessoria técnica agrícola para o/a pequeno(a) produtor(a);
- Acesso ao microcrédito para o/a pequeno(a) produtor(a);
- Acesso a insumos e tecnologias para o/a pequeno(a) produtor(a); 
- Soluções inovadoras para melhoria no processo de venda, distribuição e estoque dos produtos da agricultura familiar;
- Soluções inteligentes e sustentáveis que diminuam o desperdício de alimento durante o transporte e estocagem;
- Difusão de conhecimento sobre educação nutricional e saudável, desde o planejamento de compras ao preparo da comida;
- Soluções que diminuam o desperdício de alimentos nas residências e estabelecimentos comerciais;
- Difusão do conhecimento sobre alimentação tradicional e regional do Nordeste;
- Produção de alimentos in natura e pouco processados da cidade e de aglomerados urbanos.

A seleção ocorrerá seguindo os seguintes critérios:

Impacto social – complexidade e tamanho do problema endereçado e potencial de transformação para a população;
Equipe – qualificação, identificação e motivação da equipe empreendedora responsável;
Modelo de negócio – avaliação do modelo de aquisição e retenção de clientes, potencial de sustentabilidade financeira e potencial de escalabilidade e replicabilidade;
Estágio do negócio e solução – Negócios com, no mínimo, soluções já testadas e validadas e fase de Validação e encaixe de mercado;
Diversidade de inclusão – avaliação da diversidade do time de empreendedores selecionados, especialmente com foco em diversidade racial, gênero e idade;
Tecnologia – Avaliação do desenvolvimento da solução;
Conexão com corporação – Avaliação do potencial de sinergias com modelos de venda para outras empresas (B2B).

O programa será organizado, coordenado e realizado pela Yunus Negócios Sociais. Os selecionados participarão de sessões de mentorias e workshops facilitados por especialistas em negócios e em alimentação, com base em conteúdos elaborados a partir dos desafios dos negócios selecionados.

Serviço

Projeto Revoa, Aceleração Azeite Andorinha: acesso à alimentação de qualidade
Inscrições até o dia 17 de novembro por meio do site.

Tenha acesso a reportagens especiais. Assine O POVO+ clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags