PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Mais de mil postes danificados por colisões em 2020 no Ceará, 13% a mais do que em 2019

A maior parte das ocorrências se concentra em Fortaleza e Região Metropolitana, onde 795 postes foram danificados ano passado

Lais Oliveira
11:27 | 01/02/2021
Poste caiu na manhã deste domingo, 27, na Praia de Iracema (Foto: Deisa Garcêz/Especial para O Povo)
Poste caiu na manhã deste domingo, 27, na Praia de Iracema (Foto: Deisa Garcêz/Especial para O Povo)

No Ceará, foram registrados 1.363 postes danificados por abalroamentos em 2020. Apesar da pandemia e do isolamento social, o dado representa um aumento de cerca de 13% em relação ao contabilizado no mesmo período de 2019.

A maior parte das ocorrências se concentra em Fortaleza e Região Metropolitana, onde 795 postes foram danificados ano passado, representando um aumento de 25% com relação ao ano anterior. Segundo Eduardo Gomes, gerente de manutenção da Enel Distribuidora Ceará, os abalroamentos são mais frequentes no início de cada mês e nos fins de semanas.

“O excesso de velocidade, consumo de bebida alcoólica e a sonolência dos motoristas são as principais causas dos acidentes. O que chama atenção é esse número ter aumentado mesmo em um período que as pessoas estavam mais em casa, devido à pandemia do coronavírus”, explica em nota. 

Saiba o que fazer 

 

Quando algum poste sofre dano por abalroamento, a Enel deve ser comunicada para realizar a troca do equipamento urbano. Dessa forma, uma equipe da companhia é deslocada imediatamente para o local no intuito de fazer os reparos na rede.

Para evitar maiores acidentes, a companhia faz algumas recomendações: não se deve tocar em cabos que estiverem no solo, ficar embaixo de estruturas danificadas, nem tentar realizar o isolamento da área, e caso o poste tenha caído sobre o veículo, recomenda-se que o motorista não saia do carro até a chegada de socorro, salvo em caso de incêndio no local, mantendo sempre distância dos fios.

Visando diminuir o impacto dos abalroamentos, a Enel coloca defensas em alguns postes. A medida reduz a possibilidade de o equipamento tombar e ainda diminui o risco para os passageiros do veículo. Em casos de colisão de veículos, o motorista ou responsável pelo veículo deve arcar com os custos para a troca do equipamento.

 

Serviço

Para comunicar ocorrências, solicitar serviços ou informações, os clientes da Enel Distribuição Ceará podem entrar em contato pelo aplicativo Enel Ceará, que pode ser baixado gratuitamente para iOS (http://goo.gl/quLoH9) e Android (http://goo.gl/pjQpNS); pelo site da companhia (www.enel.com.br); pelas redes sociais – Facebook (facebook.com/enelclientesbr) e Twitter (@enelclientesbr) ou ainda pela Central de Atendimento (0800 285 0196).