Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Desabamento de elevador em obra na Caucaia deixa dois operários mortos

Dois funcionários de uma empresa terceirizada morreram no acidente
10:32 | Dez. 11, 2020
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Jornal
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Dois operários morreram vítimas do desabamento de um elevador de construção em um canteiro de obras em Caucaia, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), na manhã desta sexta-feira, 11. Segundo o tenente Dutra Fidelis, do Corpo de Bombeiros Militar (CBM), os funcionários estavam no equipamento quando a parede do elevador abriu e a bandeja que dava suporte despencou. O prédio em obras é o Condomínio Campos Elísios Residente, no Tabapuá, que está em construção e ainda não foi entregue.

O elevador de construção é um equipamento externo ao prédio e segundo os CBM, estava sendo usado para a pintura do edifício.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e constatou as mortes. A Perícia Forense do Ceará (Pefoce) esteve no local. O CBM informa que as vítimas ficaram presas às ferragens do elevador e que atuou na retirada dos corpos.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Advogado da construtora Pinho Mororó, responsável pela obra, Caio Falcão afirma que a empresa lamenta o acidente e afirmou que a construtora está prestando apoio aos familiares das vítimas, disponibilizando assessoria jurídica e atendimento psicológico. Os funcionários da obra, Arlindo Alves da Silveira Filho e Domingos de Oliveira Araújo Silva, eram contratados de uma empresa terceirizada, que pertencia à Arlindo.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags