PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Operação apreende adolescentes e cumpre 13 mandados de prisão por homicídios e tráfico de drogas no Ceará

Um dos presos, além de possuir envolvimento em assassinatos e no tráfico de drogas, é suspeito de ter participado do sequestro de três jovens em Iguatu, no começo deste mês

22:13 | 23/07/2020
Os mandados foram cumpridos nos municípios de Iguatu, Saboeiro e Icó, na região Sul do Ceará (Foto: Divulgação/Polícia Civil )
Os mandados foram cumpridos nos municípios de Iguatu, Saboeiro e Icó, na região Sul do Ceará (Foto: Divulgação/Polícia Civil )

Deflagrada na manhã desta quinta-feira, 23, a Operação Carcará, da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), resultou no cumprimento de 13 mandados de prisão e na apreensão de dois adolescentes, integrantes de facção criminosa com atuação na região Sul do Estado. Os alvos são suspeitos de participação em homicídios e envolvimento com tráfico de drogas.

Os mandados foram cumpridos nos municípios de Iguatu, Saboeiro e Icó. Um dos presos, Cícero Garcia Amorim, 34, conhecido como Havaí, também está envolvido no sequestro e cárcere privado de três jovens em Iguatu, ocorrido no início deste mês. Havaí possui antecedentes por roubo e sua prisão havia sido pedida pela Comarca de Saboeiro pela participação em crimes de homicídio e tráfico de drogas.

Durante a operação, foram apreendidas uma espingarda calibre 12, com 12 munições, além de quantidades de maconha e cocaína. Força-tarefa coordenada pela Departamento de Polícia Judiciária do Interior Sul (DPI Sul), buscava elucidar assassinatos ocorridos em Saboeiro e capturar suspeitos relacionados à prática de atividades ilícitas na região.

A Operação Carcará contou com 100 policiais civis da Delegacia Regional de Iguatu e do DPI Sul. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, a PCCE segue em diligências para prender os demais foragidos da Justiça.

Denúncias

A Polícia Civil ressalta que a população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam ajudar na localização dos suspeitos. Em Iguatu, as denúncias podem ser feitas pelos números (88) 3581-0307, da Delegacia Regional da Cidade. O sigilo e o anonimato são garantidos.