PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Mais de 5 mil raios são registrados no Ceará nos primeiros dias do ano

Em Jaguaruana, um caminhoneiro morreu após ser atingido por um raio e outras três pessoas ficaram feridas. Crateús foi o município que mais teve mais registros, com 614 incidentes

21:04 | 09/01/2020
70% dos raios registrados ocorrem na região Norte do Ceará
70% dos raios registrados ocorrem na região Norte do Ceará (Foto: Fco Fontenele)

Foram registrados pela Enel, responsável pelo abastecimento de energia do Ceará, 5.601 raios desde o dia 1° de janeiro até o dia 8 de janeiro. Dessa quantidade, mais das metade foi registrada no mesmo dia, na quarta-feira. Em Jaguaruana, um caminhoneiro morreu após ser atingido por um raio e outras três pessoas ficaram feridas.

Crateús foi o município que mais teve mais registros com 614 incidentes, seguido por de Ipueiras (393) e Independência (357). Entretanto, 70% dos raios acontecem na região norte do Estado.

No último ano, foram contabilizados mais de 74 mil descargas elétricas em todo o Ceará. Desse total, 40% aconteceram só em fevereiro, mês com maior registro de chuva acima do esperado, segundo a Funceme.

Para evitar problemas e fatalidades, a Enel aconselha que as pessoas, se possível, permaneçam em casa ou em locais fechados, enquanto a tempestade durar. Em caso estar na rua, deve ser evitado campos abertos, piscinas, lagos, praias, árvores isoladas e postes de energia.

Já dentro de casa, o ideal seria não utilizar celular, secador de cabelo ou ferro elétrico ligados à tomada, bem como não realizar consertos de instalações elétricas.

O contato com aparelhos que utilizam águ ae energia, como chuveiro ou torneira elétricos, não é indicado.