PUBLICIDADE
Ceará
Noticia

Natal é marcado por casos de violência contra a mulher no Ceará

Foram, pelo menos, dois casos de feminicídio e um de agressão contra uma mulher grávida

Lucas Barbosa
20:54 | 25/12/2019
Mulher agredida pelo marido em Limoeiro do Norte, na noite de Natal, apresenta hematomas por todo o corpo. Agressor foi preso em flagrante.
Mulher agredida pelo marido em Limoeiro do Norte, na noite de Natal, apresenta hematomas por todo o corpo. Agressor foi preso em flagrante. (Foto: via whatsapp)

O Natal foi marcado por episódios de violência de gênero no Ceará. Foram, pelo menos, dois casos de feminicídio e um de agressão contra uma mulher grávida. Os casos foram registrados em Parambu, Itapipoca e Limoeiro do Norte.

Em Parambu, um duplo homicídio foi registrado. Antônia Gerlânia Simão de Oliveira, de 35 anos, e Francisco Edicarlos Vieira do Nascimento, de 43 anos, foram mortos a golpes de faca, na madrugada desta quarta. O suspeito é companheiro de Antônia Gerlânia, conforme apurou o destacamento de Polícia Militar (PM) do Município. Conforme a PM, José Lopes de Araújo foi preso ainda na tarde desta quarta, 25.

O crime teria ocorrido em decorrência dos ciúmes que o criminoso tinha da mulher. Informações de moradores da região dão conta de que ele chegou em casa e, ao ver Francisco Edicarlos na calçada de sua residência, supôs que estivesse sendo traído. O agressor, então, teria chamado a mulher para dentro de casa e passou a esfaqueá-la. Em seguida, passou a agredir também o homem. A PM ainda apurou que o relacionamento entre o acusado e a sua companheira era conturbado, com diversas discussões por causas do ciúme que o agressor tinha. Após o crime, José fugiu.

Em Itapipoca, na localidade de Poço Verde, a 12 quilômetros da sede, a vítima foi Marciane Carneiro de Paula, também morta a facadas. Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o acusado pelo crime é Rodrigo Bernardo Holanda, ex-namorado da vítima. O caso aconteceu no fim da tarde de terça-feira, 24. Ela estava trabalhando, como empregada doméstica, no momento do crime.

Rodrigo Bernardo foi capturado horas depois. Em audiência de custódia, ele teve a prisão em flagrante convertida para prisão preventiva. Em sua manifestação pela manutenção da prisão, o Ministério Público Estadual (MPCE) argumentou haver "risco de reiteração da conduta delitiva por parte do acoimado em relação aos familiares da vítima".

Já em Limoeiro do Norte, também na véspera de Natal, um homem foi preso em flagrante por agredir a própria esposa, que está grávida de três meses. Ela apresenta vários hematomas graves no rosto, braços e pernas. A mulher requereu medidas protetivas de urgência em desfavor do marido. Marcos Felício Freire, de 38 anos, também teria ameaçada familiares da vítima. Com ele, foram apreendidos ainda uma pistola calibre 380 e 17 munições de mesmo calibre (Com informações de Izadora Paula e Luana Façanha/Especial para O POVO).