PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Unidades penitenciárias recebem doação de mais de 700 livros para projeto Livro Aberto

Através do projeto, cada detento consegue reduzir seu tempo dentro do presídio através do incentivo da leitura

09:00 | 13/07/2019
Unidades prisionais do Ceará recebem doações de 700 livros
Unidades prisionais do Ceará recebem doações de 700 livros(Foto: Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) / Divulgação)

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) recebeu, na última sexta-feira, 12, a doação de mais de 700 obras literárias da Faculdade do Maciço de Baturité (FMB). O livros foram entregues por representantes da instituição ao secretário executivo Maiquel Mendes na sede da SAP, na Aldeota.

A iniciativa aconteceu após a visita realizada por alunos do curso de Direito a Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes, em Aquiraz. “Nós visitamos a unidade para entender a realidade de um psicólogo que trabalha na área jurídica. Chegando lá, eles nos surpreenderam e disseram que queriam ter mais acesso a livros. Depois dessa conversa mobilizamos vários setores para a doação”, conta o coordenador da graduação Taffarel Silveira.

Através de uma campanha realizada pela faculdade, os alunos arrecadaram em quinze dias mais de 700 obras com temas que variam entre, romances, ficção, autoajuda e didáticos.

Projeto Livro Aberto

Através do projeto, cada detento consegue reduzir seu tempo dentro do presídio por meio da leitura. Por mês, é possível escolher uma obra literária com o prazo de 20 a 30 dias para que um relatório sobre o conteúdo seja  apresentado.

O relatório precisa ser feito de forma individual, presencial, no local reservado para a conclusão do projeto. A resenha deve atingir a nota igual ou superior a 6 e ser aprovado pela Secretaria de Educação do Estado do Ceará (Seduc).

Depois disso, a resenha é levada para avaliação em uma vara judicial para que seja contabilizada a redução da pena. Ao final de 12 obras lidas e avaliadas, o detento terá a possibilidade de redimir 48 dias no prazo de 12 meses da sua pena.