PUBLICIDADE
Notícias
ICAPUÍ

Projeto faz vaquinha online para reconstruir estação ambiental incendiada em meio a ataques

A fundação pretende arrecadar R$ 80 mil para arcar com os custos de nova mobília, computadores, equipamentos eletrônicos e reconstrução da estrutura física da sede

11:46 | 11/02/2019
Estação ambiental foi queimada no dia 6 de janeiro, em meio a ataques criminosos que aconteciam em todo o Estado (Foto: Divulgação/Fundação Brasil Cidadão)
Estação ambiental foi queimada no dia 6 de janeiro, em meio a ataques criminosos que aconteciam em todo o Estado (Foto: Divulgação/Fundação Brasil Cidadão)

Após ser alvo de incêndio em meio à onda de violência que atingiu o Ceará em janeiro, a sede do projeto De Olho Na Água precisa de contribuições para ser reconstruída. A estação ambiental Mangue Pequeno fica localizada na praia de Requenguela, em Icapuí, Litoral Leste do Estado. O local foi alvo de ataques no dia 7. O crime deixou a estrutura física do local completamente comprometida. Por isso, a Fundação Brasil Cidadão, responsável pelo projeto, criou vaquinha online para arrecadar dinheiro para as obras e a compra dos materiais perdidos.

Mesmo sem local adequado e em situação precária, a estação segue realizando trabalhos, recebendo estudantes e moradores da região. Maria Leinad Carbogim, diretora da fundação, relata que a ajuda de vizinhos está sendo importante para o funcionamento do projeto. Depois do incêndio criminoso, a diretora diz que procurou também o Governo do Estado, que emprestou uma tenda para abrigar estudantes durante atividades.

A primeira meta da vaquinha virtual foi batida. Os R$ 12 mil já arrecadados serão utilizados na compra de mobília para a sede. Para repor os 16 computadores perdidos no ataque, a segunda fase da campanha pretende arrecadar mais R$ 12 mil. O valor total para recuperar também a biblioteca, outros equipamentos de informática e materiais de escritório é R$ 80 mil. “Precisamos renascer das cinzas”, diz Leinad.

Veja o vídeo da campanha

O De Olho na Água é apoiado pela Petrobras. De acordo com a diretora, o projeto de reconstrução da sede foi enviado para a empresa, que informou à fundação que ele está sendo analisado. “Estamos com expectativa de que a Petrobras nos ajude com alguma quantia. A campanha é só um complemento, mas o valor dos materiais perdidos é inestimável”, afirma Maria Leinad Carbogim.

Funcionando como um centro difusor de tecnologias e práticas sustentáveis, a Estação Ambiental Mangue Pequeno recebe voluntários para atuar no monitoramento de pesquisas e atividades científicas. Além disso, ajuda na formação e capacitação de estudantes e moradores da região para uma melhor gestão ambiental da região de Requenguela. No local ainda existem uma estação de apicultura, viveiro de plantas medicinais e canteiro bio-séptico.

Serviço

A vaquinha está sendo feita pelo site Benfeitoria. É possível doar de R$ 20 até R$ 1.000, com recompensas que vão desde postais da Estação até um livro sobre a reconstrução da sede. Clique aqui para acessar o site da campanha.

Alexia Vieira