PUBLICIDADE
Notícias

Secretária de Educação de Juazeiro do Norte é afastada por uso indevido da máquina pública

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) suspeita que Maria Loureto de Lima tenha usado a máquina pública na campanha eleitoral de Pedro Bezerra, eleito Deputado Federal

21:47 | 21/01/2019
NULL
NULL
[FOTO1]

A secretária de Educação de Juazeiro do Norte, Maria Loureto de Lima, foi afastada provisoriamente após pedido do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE). Há suspeitas de que a secretária tenha usado a máquina pública na campanha eleitoral de Pedro Augusto Geromel (PTB), filho do atual prefeito da cidade, Arnon Bezerra (PTB), e deputado federal eleito no último pleito.
 
O MPCE conseguiu o afastamento por meio das 13ª e 14ª Promotorias de Justiça, que atuam, respectivamente, na defesa da Educação e do Patrimônio Público. O afastamento será de 120 dias úteis, sem prejuízo da remuneração, foi concedido nesta segunda-feira, 21.
 
De acordo com a decisão judicial, “os fatos são graves e indicam que servidores temporários, subordinados à requerida, foram coagidos a votar ou a participar ativamente da articulação política do candidato beneficiado”. O Inquérito Civil tramita em sigilo e, portanto, informações detalhadas sobre a apuração dos fatos não podem ser divulgadas.
 
O inquérito teve como base a operação “Voto Livre” que cumpriu mandados de busca e apreensão expedidos pelo Juiz da 119ª Zona Eleitoral, Péricles Victor Galvão, após inquérito policial instaurado pela delegada da Polícia Federal Josefa Maria Lourenço, que apura crimes eleitorais.
 
O POVO Online entrou em contato com a secretaria de Educação e com o núcleo de comunicação da Prefeitura de Juazeiro do Norte na noite desta segunda-feira, 21, mas não teve as ligações atendidas, entre as 19h24 e as 20h, ou o e-mail respondido.
 
O diretório local do PTB, partido de Pedro Augusto Geromel, também foi contatado. No entanto, segundo a operadora, o número de telefone informado no site oficial do partido não existe.
 
Histórico
 
[FOTO2] 
 
Em fevereiro de 2018, o prefeito de Juazeiro do Norte, José Arnon Bezerra (PTB), foi alvo de uma ação do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) por improbidade administrativa. Conforme o MPCE, ele estaria promovendo o filho Pedro Augusto Geromel, que, à época, era pré-candidato ao cargo de deputado federal, em eventos ligados à Prefeitura. Geromel também presidia o Diretório Municipal do PTB.

Redação O POVO Online 
TAGS