Participamos do

Passageiros de cruzeiro suspenso por surto de Covid-19 brigam por comida durante espera por viagem

No dia 30 de dezembro, o MSC Splendida, por ordem da Anvisa, havia suspendido suas operações e isolado os passageiros em suas cabines
12:20 | Jan. 03, 2022
Autor Danrley Pascoal
Foto do autor
Danrley Pascoal Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Na noite desse domingo, 2, mais de dois mil passageiros que embarcariam no cruzeiro MSC Splendida, do Porto de Santos, tiveram a viagem cancelada por conta dos altos números de infectados pela Covid-19. Até o anúncio da suspensão da partida do navio foram mais de sete horas de espera. Segundo os passageiros, foram momentos difíceis e desumanos, gerando inclusive briga por comida.

No dia 30 de dezembro, o MSC Splendida, por ordem da Anvisa, havia suspendido suas operações e isolado os passageiros em suas cabines. A embarcação aguardava uma nova avaliação da Anvisa, a qual aconteceu no sábado, 1º. Mesmo sabendo que não tinha autorização para seguir viagem, o navio só informou aos passageiros horas antes. As informações são do Portal G1.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Briga por Comida

 

"Saímos de casa às 3h e chegamos às 10h30 naquela sala de espera para o embarque. Dentro do possível, estava bem organizado. Acabou a comida em todas as lojas de conveniência, não tinha mais nada. Começaram a servir lanches, mas muito pouco. Foi uma espera eterna", falou ao G1 o engenheiro civil Victor Costa, de 38 anos, que estava aguardando a viagem com a esposa e duas filhas pequenas. A família viajou de Cabreúva (SP) até Santos.

Danielle Lima da Silva, 29 anos, partiu de Jundiaí (SP) com um grupo de seis pessoas, e estava no Terminal Marítimo de Passageiros da cidade de Santos (Concais) desde às 12h. Ela relata que ao perceber que havia algo errado as pessoas começaram a se descontrolar.

"As pessoas começaram a ficar nervosas, vários princípios de tumulto. Muita gente implorando por um pedaço de pizza. Tinha muita gente sentada no chão, bebês deitados no caminho. As comidas da lanchonete acabaram por volta de 17h30", contou.

As investigações conduzidas pela Anvisa concluíram que o vírus Sars-Cov-2 se espalha facilmente entre pessoas próximas a bordo de navios e a chance de contrair Covid-19 nos cruzeiros é alta. Por isso, recomendou que as viagens programadas em navios de cruzeiro para os próximos dias sejam canceladas e que haja a interrupção da temporada de cruzeiros no país. O MSC Splendida foi a terceira embarcação autuada pela Anvisa nos últimos dias.

MSC Cruzeiros

 

Em nota, a MSC Cruzeiros, empresa responsável pelo MSC Splendida, negou que a Anvisa tenha emitido parecer desfavorável à embarcação para seguir viagem ainda no sábado, e afirmou que recebeu a informação das autoridades no fim da tarde de domingo. A companhia oferecerá aos hóspedes uma nova viagem no valor do cruzeiro original, esta pode ser feita em qualquer cruzeiro futuro até o dia 31 de dezembro de 2022 ou o reembolso total dos valores pagos pelo cruzeiro.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags