Participamos do

Operários caem em obra e ficam pendurados por cinto de proteção em Salvador; vídeo

Segundo a Secretaria da Administração (Saeb), o caso aconteceu por causa do "desequilíbrio de um dos colaboradores", que utilizava todos os equipamentos de proteção individual necessários
08:15 | Nov. 05, 2021
Autor Correio 24 horas
Foto do autor
Correio 24 horas Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Dois operários que trabalham na reforma do prédio onde funcionava o Instituto do Cacau, em Salvador, ficaram pendurados pelo cinto de proteção após caírem durante o trabalho. O caso aconteceu na manhã desta quinta-feira (4).

Os operários foram resgatados graças aos colegas de trabalho, pessoas que passaram no local e um ônibus guincho que passava pelo local. Veja o vídeo:

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

 

Segundo a Secretaria da Administração (Saeb), não houve acidente. A pasta informou que o caso aconteceu por causa do "desequilíbrio de um dos colaboradores", que utilizava todos os equipamentos de proteção individual necessários. Disse ainda que ele está fora de perigo e recebe o suporte da secretaria, por meio da sua Diretoria de Edificação e da empresa responsável.

A Saeb também garante que os operários que atuam na reforma do Instituto do Cacau utilizam EPIs obrigatórios, como capacete, bota, cinto de segurança e linha de vida.

Do Correio 24h para a Rede Nordeste

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags