Participamos do

Morre a atriz e humorista Marina Miranda aos 90 anos

Conhecida por papéis como a Dona Charanga da "Escolinha do Professor Raimundo", Marina Miranda estava internada em estado grave desde o dia 19
16:34 | Set. 21, 2021
Autor Mirla Nobre
Foto do autor
Mirla Nobre Repórter-trainee
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A atriz e humorista Marina Miranda morreu, aos 90 anos, na noite dessa segunda-feira, 20. A atriz estava internada no Hospital Municipal Miguel Couto, na Zona Sul do Rio de Janeiro, desde o último domingo, 19, em coma irreversível. Miranda, que sofria de Alzheimer, estava com infecção urinária e doença pulmonar. A morte da artista foi confirmada apenas no início da tarde desta terça-feira, 21.

O hospital confirmou a morte em nota: “A direção do Centro de Emergência Regional (CER) do Leblon lamenta informar que a paciente Marina Miranda faleceu na noite dessa segunda-feira, 20. Ela estava internada na unidade, com quadro grave, desde o dia 19”. As informações são do portal da Revista Quem.

LEIA TAMBÉM | Pelé: estado de saúde hoje, 20, e últimas notícias do Rei do Futebol

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Marina ficou conhecida por papéis como a Dona Charanga da “Escolinha do Professor Raimundo”, e “Balança, Mas Não Cai”. Em 1977, fez a novela “Dona Xepa” ao lado de Yara Cortes e Nívea Maria. Também participou de minisséries como “Tenda dos Milagres”, em 1985, e nos anos 1990 fez “O Dono do Mundo".

Artistas lamentam morte da atriz

Em publicação na rede social Twitter, Paulo Cintura, que também trabalhou na "Escolinha do Professor Raimundo", lamentou a morte da atriz. “Mais uma estrela da TV sobe para integrar o elenco celestial da Escolinha do Prof. Raimundo. Que Marina Miranda tenha Boa Luz e Paz no Espírito", diz o post.

O comediante Hélio de La Peña disse que Marina "foi um ícone pouco reconhecido". "Marina alegrou muito a minha infância. Tenho o maior respeito por sua história e muita admiração pelo seu talento de fazer rir", disse Hélio.

Conteúdo sempre disponível e acessos ilimitados. Assine O POVO+ clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags