PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Nas duplas, Melo vence Soares em duelo brasileiro no Masters de Madri

15:34 | 03/05/2021

No duelo entre as duplas dos brasileiros mais bem colocados no ranking da Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), melhor para Marcelo Melo. Nesta segunda-feira (3), pela primeira rodada do Masters 1000 de Madri (Espanha), a parceria do número 18 do mundo com Jean-Julien Rojer (26º), dos Países Baixos, derrotou Bruno Soares (sexto) e o britânico Jamie Murray (24º) por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, em uma hora e dez minutos de partida.

O triunfo no saibro encerra uma sequência de oito derrotas consecutivas de Melo - sete ao lado de Rojer. Eles, inclusive, anunciaram que o torneio em Madri será o último da parceria, iniciada há apenas dois meses. Foi somente a segunda vez que o brasileiro e o neerlandês ganharam atuando juntos. A vitória anterior foi em março, no ATP 250 de Doha (Catar).

Uma publicação compartilhada por Marcelo Melo (@marcelomelo83)

“Hoje [segunda] conseguimos jogar muito bem. Vínhamos bem nos treinos e conseguimos imprimir isso no jogo. Salvamos um 0/40, um 15/40. Isso dá muita confiança, especialmente neste momento que estamos passando, de poucas vitórias”, destacou Melo, em nota à imprensa.

Nas oitavas de final, Melo e Rojer enfrentam quem se classificar no duelo entre os alemães Tim Puetz (55º) e Alexander Zverev (sexto do mundo em simples, 168º em duplas) contra o canadense Felix Auger-Aliassime (20º em simples, 79º em duplas) e o polonês Hubert Kurkacz (16º em simples, 69º em duplas). O confronto será nesta terça-feira (4), por volta das 8h40 (horário de Brasília).

Além de Melo, o Brasil segue representado em Madri por Marcelo Demoliner. No domingo (2), a parceria do tenista número 47 da ATP em duplas com o russo Daniil Medvedev (terceiro do mundo em simples, 237º em duplas) derrotou os britânicos Neal Skupski (19º) e Daniel Evans (26º em simples, 52º em duplas) por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/4). Nas oitavas, eles aguardam o ganhador do duelo entre os irmãos gregos Petros (307º) e Stefanos Tsitsipas (quinto em simples, 118º em duplas) contra o polonês Lukazs Kubot (17º) e Wesley Koolhof (10º), dos Países Baixos. A partida também será na terça-feira, às 10h.

Singles or doubles, it's always lively when @DaniilMedWed's on court