PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Redação do Enem tem como tema "A falta de empatia nas relações sociais"

Prova foi reaplicada hoje para quem teve covid-19, os que foram prejudicados no teste regular e para candidatos privados de liberdade. Texto exigido foi do tipo dissertativo, além das questões objetivas de linguagens e ciências humanas

15:54 | 23/02/2021
Redação do Enem tem como tema A falta de empatia nas relações sociais (Foto: )
Redação do Enem tem como tema A falta de empatia nas relações sociais (Foto: )

A falta de empatia nas relações sociais no Brasil é o tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) aplicado nesta terça-feira (23), tanto para estudantes que tiveram as provas canceladas por conta da pandemia do novo coronavírus (covid-19) quanto para aqueles que pediram para participar da reaplicação do exame porque foram prejudicados na aplicação regular, e para os candidatos privados de liberdade. 

O tema foi anunciado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), nesta tarde, após o início das provas. Os participantes precisaram escrever um texto dissertativo-argumentativo opinativo e organizado para a defesa de um ponto de vista. O balanço da aplicação do exame, onde constará faltosos e presentes nos estados brasileiros, será divulgado pelo Instituto na noite desta quarta-feira, 24, após realização do segundo dia de prova de reaplicação do Enem 2020.

A opinião do autor deveria estar fundamentada com explicações e argumentos, ou seja, na redação o participante precisou dissertar sobre o assunto proposto descrevendo-o e explicando-o. Além disso, necessário defender a opinião colocada na construção textual, com o objetivo de convencer o leitor com base em argumentos. A redação deveria ter, no máximo, 30 linhas e o texto desenvolvido a partir da situação-problema apresentada e dos subsídios oferecidos pelos textos motivadores.  

A prova de redação é a única subjetiva do exame e tem, por isso, critérios especiais de correção. Cada redação é corrigida por pelo menos dois corretores. As notas variam de zero a 1 mil. 

Para participar de programas como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que seleciona estudantes para vagas em instituições públicas de ensino superior, e do Programa Universidade para Todos (ProUni), que concede bolsas de estudo em instituições privadas de ensino superior, é necessário não ter tirado zero na redação. 

Além da prova de redação, os estudantes fazem nesta terça as provas objetivas de linguagens e ciências humanas. A aplicação segue amanhã (24), quando os participantes resolvem as questões de matemática e ciências da natureza. 

Reaplicação 

O Enem 2020 regular foi aplicado nos dias 17 e 24 de janeiro no formato impresso, e nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro no formato digital. Agora, é aplicado o chamado Enem PPL (Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade e Jovens sob Medida Socioeducativa que inclua privação de liberdade). 

Também nesta terça as provas foram reaplicadas aos candidatos do Enem regular, tanto do impresso quanto do digital, que tiveram os pedidos aprovados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

Devido à pandemia, a aplicação do Enem regular foi suspensa no estado do Amazonas, onde mais de 160 mil estudantes estão inscritos; em Rolim de Moura (RO), onde estão inscritos 2.863 candidatos, e em Espigão D'Oeste (RO), com 969 inscritos, e está sendo aplicado hoje. 

Prevista no edital, a reaplicação do Enem pode ser solicitada por participantes que se sentiram prejudicados por causa de algum problema logístico, como falta de luz no local de prova. Neste ano, devido à pandemia, puderam também pedir a reaplicação os participantes que apresentaram sintomas da covid-19 ou de outra doença infectocontagiosa.

Veja os temas das redações de anos anteriores: 

Enem 2009: O indivíduo frente à ética nacional

Enem 2010: O trabalho na construção da dignidade humana

Enem 2011:  Viver em rede no século XXI: os limites entre o público e o privado

Enem 2012: O movimento imigratório para o Brasil no século XXI

Enem 2013:  Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil

Enem 2014: Publicidade infantil em questão no Brasil

Enem 2015: A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira

Enem 2016: Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil e Caminhos para combater o racismo no Brasil - Neste ano houve duas aplicações regulares do exame.

Enem 2017: Desafios para formação educacional de surdos no Brasil

Enem 2018: Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet

Enem 2019: Democratização do acesso ao cinema no Brasil

Enem 2020 impresso: O Estigma Associado às Doenças Mentais na Sociedade Brasileira

Enem 2020 digital: O desafio de reduzir as desigualdades entre as regiões do Brasil