PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

PF faz ação contra servidores da Receita suspeitos de receber propina

10:31 | 18/11/2020
São Paulo/SP- A Polícia Federal deflagrou hoje (29/10) as fases 11 e 12 da Operação Descarte, denominadas SIL (Foto: Divulgação/Polícia Federal)
São Paulo/SP- A Polícia Federal deflagrou hoje (29/10) as fases 11 e 12 da Operação Descarte, denominadas SIL (Foto: Divulgação/Polícia Federal)

A Polícia Federal (PF) cumpre hoje (18) 46 mandados de busca e apreensão em endereços ligados a servidores da Receita Federal. Segundo a PF, os alvos da operação são suspeitos de receber dinheiro de empresários para evitar fiscalizações ou para que as multas fossem emitidas com valores inferiores ao devido.

A Operação Armadeira 2 tem o apoio da Corregedoria da 7ª Região Fiscal da Receita Federal e do Ministério Público Federal (MPF). A PF também investiga lavagem do dinheiro ilegal supostamente recebido pelos fiscais.

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro. Cerca de 150 policiais federais cumprem os mandados nas cidades do Rio de Janeiro, Nova Iguaçu, Niterói, Silva Jardim e Teresópolis.

Entre as apreensões já divulgadas pela Polícia Federal estão joias e dinheiro em espécie.