PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Seções eleitorais apresentam filas no Rio de Janeiro

13:20 | 15/11/2020

Apesar de todo o cuidado para evitar aglomerações nos locais de votação devido à covid-19, algumas seções eleitorais apresentaram filas na manhã de hoje (15) no estado do Rio de Janeiro. Segundo o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ), desembargador Cláudio Brandão de Oliveira, filas são normais em uma eleição com 12 milhões de pessoas (número de eleitores do estado), mas esse não é um problema “crônico”.

“São milhares de locais de votação. Não há um problema generalizado, mas se uma máquina apresenta um problema, e a gente tem que consertar ou substituir, vai gerar alguma fila. Mas nada que ultrapasse o que seria normal numa eleição com um universo de 12 milhões de eleitores. Não há um problema crônico de filas em todas as seções”, disse o presidente do TRE-RJ.

Em alguns locais de votação, algumas seções estavam vazias, enquanto outras apresentavam grandes filas. Segundo ele, além de problemas nas urnas, outros fatores, como a demora de alguns eleitores em votar e um número maior de eleitores em determinada seção, também podem gerar filas. “Não há uma causa que explique isso. Agora, o relato de filas não é um relato generalizado. Filas em alguns locais de votação é uma situação previsível que pode ser resultante de vários fatores”, disse o desembargador.

Segundo TRE-RJ, até por volta das 12h15, 280 urnas eletrônicas haviam apresentado problemas e precisaram ser substituídas ou consertadas em todo o estado. Em relação à campanha ilegal de boca de urna, foram registrados quatro casos que resultaram em prisões, dois em Santa Maria Madalena, um em Búzios e outro em Petrópolis.

Ouça na Radioagência Nacional