PUBLICIDADE
Brasil
Noticia

Restaurante Madero é multado por propina a funcionários do Ministério da Agricultura

Além da multa, empresa deve pagar pela publicação da penalidade em algum jornal e exibir o material por 30 dias nas lojas

08:26 | 17/10/2020
Controladoria Geral da União (CGU) multou o restaurante em R$ 442 mil por pagamento de propina para funcionários do Ministério da Agricultura. (Foto: Divulgação/Madero)
Controladoria Geral da União (CGU) multou o restaurante em R$ 442 mil por pagamento de propina para funcionários do Ministério da Agricultura. (Foto: Divulgação/Madero)

A Controladoria Geral da União (CGU) multou o restaurante Madero em R$ 442 mil por pagamento de propina em dinheiro e alimentos para funcionários do Ministério da Agricultura. Os membros da pasta eram designados a fiscalizarem as lojas das redes nas cidades de Balsa Nova e Ponta Grossa, no Paraná. As informações são do UOL.

Como parte da multa, o restaurante ainda deve publicar a penalidade aplicada pela CGU em uma edição de um dos quatros jornais de maior tiragem e circulação nacional e expor os jornais na entrada principal das lojas em que ocorreram os casos pelo tempo de 30 dias. A rede de restaurantes também deve expor a penalidade no site da empresa.

O valor da multa a ser pago corresponde a 0,1% do valor do faturamento bruto da empresa do ano de 2017, excluídos os tributos e a multa aplicada, segundo o UOL.

Polêmicas

A gestão da rede restaurantes Madero se envolveu em diversas polêmicas ao longo de 2020. Em março, no início da pandemia de Covid-19 no Brasil, o dono da rede, Junior Durski, minimizou as medidas de lockdown. Para ele, o Brasil iria enfrentar “consequências muito maiores” do que as “5 mil ou 7 mil pessoas que vão morrer por conta do coronavírus”. Hoje, 16, o País registra 152.460 mortes e 5.169.386 casos de Covid-19, segundo o Ministério da Saúde. 

No mês de abril, o empresário demitiu 600 funcionários, que segundo ele, iriam compor as equipes responsáveis pela expansão da rede de comida. Era planejado a abertura de 65 lojas neste ano. Em julho, foram abertas uma unidade do Madero no Shopping Tijuca, no Rio de Janeiro e uma unidade do Jeronimo Burguer, da mesma companhia, na Vila Olímpia, em São Paulo.