PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

PF prende suspeito de manter plataforma de pornografia infantil em SP

11:33 | 09/09/2020
A Polícia Federal prende o banqueiro Eduardo Plass em nova etapa da Operação Hashtag, desbodramento da Lava Jato no Rio de Janeiro. (Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil)
A Polícia Federal prende o banqueiro Eduardo Plass em nova etapa da Operação Hashtag, desbodramento da Lava Jato no Rio de Janeiro. (Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil)

A Polícia Federal prendeu um homem suspeito de manter uma plataforma de distribuição de imagens de pedofilia em Araçatuba, no interior de São Paulo. A polícia chegou até ele a partir de informações repassadas pela Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol) na França.

Segundo as investigações, além de manter o fórum para o compartilhamento de vídeos e fotografias com abuso de crianças, o suspeito publicava material com ele mesmo cometendo diversos estupros contra meninas com idades ente 5 e 12 anos. A Polícia Federal apura se a filha do suspeito, um homem de 50 anos, foi uma das vítimas.

A partir dos depoimentos do agressor e da análise do material apreendido na casa dele, a polícia vai apurar se outras pessoas participavam dos crimes. Também está sendo investigado se o suspeito vendia as imagens de abuso.